ANO: 26 | Nº: 6573
11/04/2017 Cidade

Chuva torrencial causa alagamentos em vários pontos da cidade

Foto: Tiago Rolim de Moura

Passarela ficou submersa
Passarela ficou submersa

O grande volume de chuva registrado ontem causou alagamentos em diferentes pontos de Bagé. Até as 9h de segunda-feira, a Estação de Tratamento de Água (ETA) havia registrado 102 milímetros. Servidores da Defesa Civil, do Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb), Secretaria de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano (Seinfra), Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e Secretaria do Meio Ambiente e Proteção ao Bioma Pampa (Semapa) trabalharam durante o dia para verificar a situação.

O coordenador do Gabinete de Gestão Integrada de Bagé (GGI-M), tenente Ronaldo Oliveira da Rosa, informa que a Defesa Civil esteve nos bairros Floresta, Stand e Santa Cecília. Um dos pontos mais críticos, segundo ele, foi no bairro Floresta, onde uma residência estava ilhada. O Passo do Onze e a ponte na rua Marechal Deodoro, próximo ao Daeb, onde o problema é recorrente, também alagaram.

Rosa afirmou que o lixo descartado de forma irregular piora a situação. "A gente percebe que tem muito lixo", disse. Mesmo com a chuva forte, não havia registro de nenhuma família desalojada.

O coordenador do Plano de Combate a Alagamentos (PCA), Marcelo Netto, explica que estava sendo realizado um trabalho paliativo em pontos específicos. Ele relata que está sendo feito o mapeamento dos problemas na cidade. "O que fazemos é escoar a água. Este problema não pode ser solucionado rapidamente, por isso estamos analisando uma obra de engenharia futura", falou.

O bairro Floresta foi um dos lugares citados por Netto. Segundo ele, a água dos campos desce para o bairro. Ontem, as equipes abriram valetas para amenizar a situação.

Acidente

O secretario municipal  de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano, Ronaldo Hoesel, sofreu um acidente no bairro Floresta, no início da tarde. Ele estava trabalhando na limpeza de bueiros quando caiu e foi levando pela força da água. Ele conseguiu se segurar em um galho e foi retirado pelos colegas. Hoesel foi atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), medicado e liberado para a casa, mas por ter aspirado muita água estava em observação.

Farmácia Popular

A Farmácia Popular da cidade esteve fechada ontem, em função de alagamentos no local. A prefeitura anunciou que o local deve retornar às atividades hoje pela manhã.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...