ANO: 24 | Nº: 6161
13/04/2017 Cidade

Poupança Sicredi faz doação para Hospital Universitário

Foto: Divulgação

Participaram da atividade,  Sérgio Paulo Isotton, Geraldo Ott Filho e João Costa da Silva Tavares, do Sicredi; Tião Kaé e Romário Rosa de Almeida, como representantes da Urcamp e HU
Participaram da atividade, Sérgio Paulo Isotton, Geraldo Ott Filho e João Costa da Silva Tavares, do Sicredi; Tião Kaé e Romário Rosa de Almeida, como representantes da Urcamp e HU
Lançada no ano passado, como uma das atividades que marcaram os 35 anos de fundação da instituição, a Ação Social Poupança Sicredi beneficiou 12 hospitais na região de abrangência da Sicredi Fronteira Sul. Entre estes, o Hospital Universitário e a Santa Casa de Caridade de Bagé. Cada uma das entidades recebeu R$ 3,5 mil.
O repasse para o Hospital Universitário foi feito durante uma assembleia de prestação de contas da cooperativa, onde também foi apresentado o planejamento das ações do ano. Na oportunidade, o presidente da cooperativa, Geraldo Ott Filho, destacou a solidez e a forma de atuação da Sicredi. "A confiança de nossos associados e poupadores, que têm investido cada vez mais na cooperativa, possibilita que estes valores sejam reaplicados no mesmo local onde são captados, cooperando com o desenvolvimento econômico e social da nossa região", disse.
Nos encontros, que contaram com a presença dos representantes dos hospitais e de lideranças da região, foi explicada a forma de apuração dos valores doados. Durante o ano de 2016, 0,20% do crescimento da Poupança Sicredi foi revertido para os hospitais, totalizando mais de R$ 43 mil. Em Bagé, o incremento na Poupança Sicredi gerou o valor de R$ 7 mil, que foram divididos igualmente entre os dois hospitais da cidade – Santa Casa de Caridade e Hospital Universitário. 
O administrador do Hospital Universitário, Romário de Almeida, ressalta o espírito de solidariedade de empreendedores que investem na área da saúde, como o próprio Sicredi. "Pessoas e instituições que pensam e executam este tipo de ação são o que o mundo precisa, instituições parceiras, solidárias à comunidade", destacou.
Sobre o valor, Almeida acrescentou: "Pode parecer um valor pequeno, mas é de grande valia para um hospital que está reiniciando, aos poucos, as atividades, ainda mais após o período de dificuldades que passamos", aponta.
A atividade continuará durante 2017, estando previsto repasses de novos valores aos hospitais da região. Somente nos onze municípios onde a cooperativa Sicredi Fronteira Sul atua, conforme dados do Banco Central, existem R$ 770 milhões aplicados em poupança, comprovando o potencial existente para o desenvolvimento deste tipo de ação.
Segundo Ott, não haverá limite para as doações, assim, quanto maior a captação em Poupança Sicredi no município, maior será o valor a ser doado para os hospitais da cidade. Os recursos recebidos pelas instituições de saúde serão destinados para investimentos em infraestrutura, beneficiando as comunidades atendidas.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...