ANO: 25 | Nº: 6312
26/04/2017 Cidade

Associações Hereford, Braford e Angus buscam novas plantas para certificação de carnes

Foto: Divulgação

Cerca de 500 animais da ABHB eram abatidos por mês
Cerca de 500 animais da ABHB eram abatidos por mês

A partir do dia 1º de maio, a Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), sediada em Bagé, e a Associação Brasileira de Angus deixarão de certificar os animais das raças nas plantas do Frigorífico Marfrig no Rio Grande do Sul. A suspensão será por tempo indeterminado. As entidades estão buscando novas parcerias para certificação da carne em outras plantas no Estado. A certificação é um instrumento para as empresas gerenciar e garantir a qualidade de seus produtos, tornando-o mais seguro para o consumo.  

De acordo com a gerente do Programa Carne Pampa, da ABHB, Fabiana Rosa de Freitas, os animais abatidos na planta do frigorífico em Bagé, cerca de 500 por mês, serão encaminhados para outras empresas conveniadas. O Frigorífico Silva, de Santa Maria, e o Producarne, em Bagé, estão aptos para os abates e bonificações e a produção das carnes com o selo de certificação da ABHB (credenciado como certificação oficial brasileira junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) segue normalmente.

A Associação Angus encerra a parceria com as plantas de Bagé, São Gabriel e Alegrete, mas vai continuar a certificação nas unidades de Promissão (São Paulo), Bataguassu (Mato Grosso do Sul), Tangará da Serra (Mato Grosso) e Mineiros (Goiás), com o pagamento de premiações especiais aos produtores participantes.

Segundo o gerente do Programa Carne Angus, Fábio Medeiros, a associação está desenvolvendo novas parcerias com frigoríficos para manter a certificação. Ele ressalta que o Frigorífico Silva concede premiações de até 10% sobre o valor do boi gordo para machos e fêmeas e compra regularmente a carne Angus de produtores da região. "Estamos buscando novas parcerias, que devem ser anunciadas ainda esta semana".

A certificação é realizada por técnicos das associações desde a produção e processos dentro da indústria frigorífica, até as gôndolas dos supermercados e mesas dos restaurantes. Os inspetores acompanham todo o processo de entrada e abate dos animais e classificam de acordo com a idade e gordura. Participam da certificação animais de zero a quatro dentes.

Posição do Marfrig

Conforme nota do Marfrig Beef, após análise realizada de suas marcas e produtos, considerou necessário reposicioná-las e suspender a produção da marca. A empresa agradeceu a parceria de sucesso com a ABHB, que iniciou em 2009, e informou que continuará a adquirir os animais com genética Angus produzidos no Rio Grande do Sul, que serão direcionados para outras linhas e mercados da empresa.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...