ANO: 25 | Nº: 6399
10/05/2017 Segurança

Justiça Militar da União homenageia dois servidores locais

Foto: Rochele Barbosa/Especial JM

Cerimônia de condecoração contou com presença de autoridades militares e civis
Cerimônia de condecoração contou com presença de autoridades militares e civis

A Justiça Militar da União (JMU), a mais antiga do País, com 209 anos, realizou, ontem, uma cerimônia de condecoração chamada "Ordem do Mérito Judiciário Militar". Ricardo Móglia Pedra recebeu a medalha de distinção. Ele é analista judiciário e diretor de secretaria substituto. O outro condecorado foi o técnico judiciário e supervisor de administração, Luís Henrique Meger Emmanuelli, que recebeu a comenda no grau Bons Serviços.
O juiz Fernando Pessôa Silveira Mello ressaltou que ambos são comprometidos, servidores competentes e responsáveis, e que é um orgulho estar homenageando-os. "Eles representam os valores humanos. Garra, amor, honestidade, companheirismo e respeito são algumas das qualidades dessas duas personalidades" disse. A condecoração aconteceu no salão da Justiça Militar da União, com sede em Bagé, na rua Monsenhor Costábile Hipólito.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...