ANO: 25 | Nº: 6385
13/05/2017 Redação (ESPECIAL MUSEUS)

Há 50 anos

Foto: Arquivo JM

Coluna produzida a partir de pesquisa no acervo do Museu Dom Diogo de Souza. Pesquisadores: Augusto Sapper, Claudenir Munhoz e Távisson Esteves – alunos da disciplina História do Jornalismo, do curso de Jornalismo da Universidade da Região da Campanha (Urcamp).

 

Notícias do mês de maio no Correio do Sul de 1967

 Casa comercial arrombada

     Em meio a onda de invasões nos bairros, foram furtados da residência comercial do cidadão Manoel Silva, no domingo, dia 17 de maio de 1967, na Emílio Guilain, uma arma de fogo, um rádio, relógios, produtos de beleza e joias de sua esposa e 33 mil cruzeiros antigos da época.

 

Julgamento 

    No dia 17 de agosto de 1967, ingressou no Tribunal de Justiça do Estado o processo-crime contra um soldado da Brigada Militar que matou, em 1966, um menor de idade quando ele terminava uma serenata à sua mãe. O processo, após receber recurso pela defesa do réu, voltou à comarca local e foi a julgamento no dia 3 de junho. A sessão foi realizada pelo juiz Mário Rocha Lopes, da 3ª Vara Criminal.

 

Comércio reunido

     O comércio de Bagé recebeu a diretoria da Federação do Comércio Varejista do Estado. No encontro, representando a entidade, estava o senhor Alfeu Manuel, da Assessoria Jurídica, e Ada Silva, presidente. A reunião foi realizada à noite, no Clube Recreativo Brasileiro. A iniciativa foi do Sindicato do Comércio Varejista de Bagé, presido na época pelo senhor José Barreto Malafaia. Assuntos de interesse geral foram tratados, como o Fundo de Garantia, ICM, e Imposto de Renda. Os visitantes de Porto Alegre foram homenageados com um almoço.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...