ANO: 25 | Nº: 6279
19/05/2017 Segurança

Suspeito de matar jornalista bajeense depõe hoje

Foto: Divulgação

Câmeras mostram homem em loja de conveniências
Câmeras mostram homem em loja de conveniências

 

A titular da segunda Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Porto Alegre, Roberta Mariana Bertoldo, informou ao Jornal MINUANO, ontem, que irá ouvir o suspeito do homicídio do jornalista Tagliene Padilha da Cruz, 33 anos (Tagli), hoje pela manhã.

A delegada acredita que o suspeito irá exercer o direito constitucional de ficar em silêncio e não falar a motivação do crime. “Iremos até o presídio onde ele está para ouvi-lo, mas não sei se irá falar a motivação que o levou a cometer o delito, pois sabe que se falar estará imputado do crime”, disse Roberta. 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...