ANO: 24 | Nº: 6108
23/05/2017 Segurança

Acinser interdita um restaurante

Foto: Divulgação

Objetos e lixo em locais não apropriados
Objetos e lixo em locais não apropriados

Na manhã de ontem, o Ações Integradas de Segurança Rural (Acinser) interditou um restaurante no centro de Bagé. Além dessa ação, foram fiscalizados mais quatro estabelecimentos comerciais, veículos foram autuados e feitas notificações por falta de documentos.

De acordo com o coordenador do Acinser, Reni Dorneles, a interdição não é a meta da fiscalização, e sim a busca por melhores condições de higiene e de qualidade aos consumidores. “O que se vê além das mesas, é preocupante, nossas ações são voltadas a melhoria da qualidade, para garantir saúde para todos”, justificou.

Nesta quarta e última operação do mês de maio foram fiscalizados dois restaurantes, duas casas que trabalham com  frango assado e uma mercearia. Um dos restaurantes foi interditado, por falta de alvarás e problemas sanitários, bem como regularização por parte do Corpo de Bombeiros. "No local, foram apreendidos, aproximadamente, 29 quilos de produtos de origem animal sem rótulos e produtos cozidos misturados com os crus", relatou Dorneles. Ele informa que o Serviço de Inspeção Municipal (SIM), fará os laudos dos produtos apreendidos. 

De acordo com o coordenador do Acinser, a Vigilância Sanitária,  atuou em outros estabelecimentos com orientações quanto a limpezas periódicas nos utensílios e equipamentos, aos consertos de borrachas das portas das geladeiras, não deixar sobras nas máquinas de assar e não usar banheiro como depósito.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Proteção ao Bioma Pampa efetuou três notificações para que os locais busquem se adequar quando ao licenciamento e problemas de esgotos .  

Pente fino

O Corpo de Bombeiros também efetuou quatro notificações de regularização por infrações ou falta de Planos de Prevenção e Combate a Incêndios (PPCIs), a Secretaria Municipal de Segurança e Mobilidade Urbana (SSMU) fiscalizou 29 veículos, autuando seis deles, por falta de Carteira Nacional de Habilitação (CNH), suspensão da Habilitação e um recolhimento por atraso.

A Polícia Rodoviária Estadual abordou 30 veículos e autuou sete por infrações ao código de trânsito. A Secretaria Estadual da Fazenda fiscalizou 18 notas fiscais no transporte de mercadorias. O Pelotão de Operações Especiais (POE) da Brigada Militar, realizou a segurança da operação. Participaram, também, a Polícia Civil, Brigada Militar e a Defesa Civil.

Na próxima semana, o Acinser irá deliberar a agenda de outras fiscalizações no mês de junho.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...