ANO: 25 | Nº: 6378
24/05/2017 Segurança

Casal que comercializava carne oriunda de abigeato na região é preso em Pelotas

Foto: Divulgação

Condições de higiene do açougue eram precárias
Condições de higiene do açougue eram precárias

A Força-Tarefa de Combate aos Crimes Rurais e Abigeato da Polícia Civil prendeu, na noite de segunda-feira, em um açougue em Pelotas, duas pessoas por comercializarem carne de procedência ilegal e oriunda de abigeato na região.

De acordo com o coordenador da força-tarefa, delegado Adriano Linhares, um dos presos está entre os maiores receptadores de carne procedente de abigeato.
O casal proprietário do açougue na Princesa do Sul é investigado há vários meses pelos policiais. Eles comercializavam carne proveniente de abigeatos praticados nos municípios de Dom Pedrito, Bagé, Pinheiro Machado, Piratini, Canguçu e São Lourenço do Sul.

Durante a ação policial no açougue, foram apreendidos aproximadamente 800 quilos de carne bovina sem procedência. Em um dos freezers, foi encontrada carne suja de barro.

Em abril, a força-tarefa interceptou a ação criminosa na cidade de São Lourenço do Sul, onde foram presos três homens com cinco vacas carneadas em uma Duster roubada. Na ocasião, as investigações apontaram que a carne apreendida estava encomendada pelo casal preso nesta semana em Pelotas.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...