ANO: 23 | Nº: 5763

Viviane Becker

viviminuano@hotmail.com
Colunista social do Jornal Minuano, Viviane Becker é experiente jornalista de geral e conhecida editora do caderno de variedades Ellas.
17/06/2017 Caderno Ellas

Movimento DIY... do it yourself (Por Janine Pinto)

Foto: Reprodução JM

Movimento DIY... do it yourself

Por Janine Pinto


Eu vejo, eu gosto, eu faço!

A produção independente deixou de ser sinônimo de qualidade inferior à produção em larga escala. A democratização do acesso à tecnologia e à informação tem permitido que o "do it yourself" vire expressão de quase tudo: desde a criação de roupas bem sofisticadas até um t-shirt bem basicão. Tutorias do YouTube ecoam nos hábitos contemporâneos. De tudo se aprende, tricot, crochet, costurar, bordar.

O portal de pesquisa de tendências WGSN fez uma reportagem superinteressante a respeito do movimento DIY (sigla de “do it yourself” ou “faça você mesmo”) entre as consumidoras de moda, expondo os principais fatores que contribuem para a sua popularidade.

O WSGN aponta a recessão econômica como um dos motivos que levou os consumidores a procurarem meios alternativos de colocar as mãos e criar seus próprios itens de moda. Os blogs de DIY surgiram como uma solução criativa por seus tutoriais que ensinam como recriar o estilo de peças da passarela por um preço muito abaixo do mercado.

O DIY é descrito como um movimento que encoraja as pessoas a pensar e agir de maneira sustentável. Em um mundo de consumo de massa, com grandes redes varejistas produzindo milhares de cópias de uma mesma peça, os consumidores enxergam no DIY uma possibilidade de expressão de individualidade por meio da customização. Mesmo que uma adepta do DIY compre um vestido básico de uma grande rede, o risco dela chegar em uma festa e dar de cara com uma pessoa com a mesma roupa, por exemplo, é praticamente zero, já que ela pode ganhar um senso de exclusividade mesmo com pequenas alterações, feitas em casa.

DIY é uma brincadeira. É um experimento. É um hobby. É aceitar nossos erros e buscar soluções criativas dentro do universo da moda. É aprender com cada projeto e, principalmente, descobrir que somos capazes de fazer praticamente tudo, basta que estejamos atentos, dispostos e abertos.

 

Dicas

- Começamos indicando aulas de corte e costura. Aqui em Bagé, você se informa pelo telefone 991 07-0800. Superdivertido, você cria e na aula aprende a execução da peça. Além de fornecer máquinas industriais a peça sai pronta e exclusiva.

 

- Que tal fazer uma malha de tricot só sua? Muitas lojas. aqui da cidade, vendem lã por novelo ou meada e agulhas. Procure por tutoriais no YouTube ou peça ajuda àquela tia que sabe tudo de tricot.

 

# Você sabia que pode customizar seus jeans ou o que quiser com lindos bordados? Pois aqui já temos máquina industrial de bordados que possibilita inúmeros e criativos bordados nos mais diversos estilos, se interessou? Faça contato pelo WhatsApp 99944-1986.

 

# Quer estampar uma camiseta lisinha? A Plancópias oferece serviço de estamparia digital localizada. O preço é bem baratinho, vai de R$ 7 a R$ 17. Além de fazer a arte, basta escolher o que quiser, que vai desde uma foto até qualquer imagem, e trabalhar nela, dependendo da sua ideia.

 

Não tem ideia por onde começar, pois esta estilista oferece cursos de customização. Contato pelo 3242-2423.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias do caderno

Outras edições

Carregando...