ANO: 25 | Nº: 6335
30/06/2017 Cidade

Centrais sindicais convocam greve geral para hoje

Foto: Arquivo JM

BR-293, no trevo de acesso a Candiota, foi interrompida na paralisação, em abril
BR-293, no trevo de acesso a Candiota, foi interrompida na paralisação, em abril

 

Esta sexta-feira deve ser marcada por uma greve geral no País convocada pelas centrais sindicais, contrárias às reformas Trabalhista e da Previdência. Os sindicatos também querem a renúncia do presidente Michel Temer. Em Bagé, a partir das 9h30min, o ponto de mobilização é a Praça Esporte. A previsão é de que alguns serviços não funcionem.

É o caso dos policiais civis. O diretor do Ugeirm Sindicato, comissário Luiz Henrique Lamadril, disse que a categoria foi convocada a participar da paralisação.

A mobilização deve ter adesão dos professores estaduais. Os servidores do Correio, representados pela gerência de Pelotas do Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos do Rio Grande do Sul (Sintect), definiu que a decisão de participar ou não do ato fica à critério de cada servidor. Conforme o diretor da subsede de Pelotas do Sintect, Henrique Andrade Torales, quem participar terá amparo legal.

Os bancários iriam definir ontem a noite se iriam aderir ou não.

A exemplo do que ocorreu na outra greve greral, em Candiota, a partir das 8h, a BR-293 deve ser bloqueada por integrantes do Sindicato dos Mineiros de Candiota e Senergisul, que além das reformas, também buscam chamar atenção para os impactos que o fechamento da Fase A da Usina terá na região.

 

 

 

 

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...