ANO: 25 | Nº: 6231
06/07/2017 Cidade

Obra do IGP deve acontecer até o final do ano

Foto: Divulgação

Lideranças de Bagé se reuniram com representantes do Estado
Lideranças de Bagé se reuniram com representantes do Estado

A minuta da parceria que será realizada entre setor público e privado para a construção do Posto de Criminalística do Instituto-Geral de Perícias (IGP) em Bagé está sendo finalizada pelo Estado. A informação foi confirmada pelo diretor-geral da Secretaria Estadual de Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos, Antônio Henrique Abrahão, e pela diretora do Departamento de Patrimônio do Estado, Vânia Gonçalves, durante uma reunião com uma comitiva de Bagé.

De acordo com a vereadora Sonia Leite (PP), que tem a instalação do IGP como uma de suas bandeiras políticas desde 2008, a diretora disse que estão faltando pequenos ajustes na parte técnica do projeto, o que deve ser finalizado na próxima semana pelo comitê gestor.

A vereadora informa que, atualmente, a 7ª Coordenadoria Regional de Perícias (7ª CRP), situada em Santana do Livramento, é responsável pela realização de perícias em 12 municípios. No entanto, as distâncias entre as cidades atendidas são muito longas. Entre Santana do Livramento, sede do Posto de Criminalística da região, e Bagé, a distância é superior a 150 quilômetros. “Fator que dificulta o trabalho dos peritos”, observa.

O prefeito Divaldo Lara, que participou do encontro, publicou em uma rede social que foi estipulado um calendário de atividades para agilizar os trâmites e começar a obra. “Acredito que inicie até o final do ano”, afirma.

No início deste ano, foi publicada a regulamentação para permutas com o Estado, o que viabilizou este tipo de parceria público-privada. Também foi realizado um concurso com vagas para perito criminal na 7ª CRP, que abrange Bagé. Provavelmente, o local para a construção será um terreno localizado na avenida Espanha. 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...