ANO: 25 | Nº: 6258

Viviane Becker

viviminuano@hotmail.com
Colunista social do Jornal Minuano, Viviane Becker é experiente jornalista de geral e conhecida editora do caderno de variedades Ellas.
07/07/2017 Caderno Ellas

A História da Casa da Amizade

Foto: Viviane Becker

Galeria das ex-presidentes
Galeria das ex-presidentes

A História da Casa da Amizade


Por Maria Zilma Karam

 

A Casa da Amizade das Senhoras dos Rotarianos de Bagé teve sua fundação no ano de 1960, quando surgiram, no País, diversas associações, muitas delas recebendo o nome sugestivo de Casa da Amizade. Eram formadas por senhoras de rotarianos e colaboradoras.

Em Bagé, a ideia foi trazida por dona Ondina Nogueira Faria, que, assessorada por dona Wilma Brussius, fundou aqui a primeira Casa da Amizade, no então distrito 468 do Rotary Internacional. Conforme cópia mimeografada, foi criada no dia 9 de junho de 1960. Sua primeira presidente foi Maria Ignácia Peduzzi.

De acordo com o Estatuto da Casa da Amizade das Senhoras dos Rotarianos de Bagé, a associação tem como objetivo auxiliar instituições filantrópicas, principalmente as que se dedicam à proteção da infância, podendo, também, prestar atendimento a outras obras de assistência social. Também de acordo com o Estatuto, para a execução do seu objetivo, a associação se vale da contribuição financeira de suas sócias e de donativos arrecadados. A associação tem como lema: “Aos que têm menos, dar de nós com amor fraternal”.

Em 1995, na gestão da presidente Maria Zilma Gomes Karam, e tendo como governador do distrito 4780, Wagner Bento e sua esposa, Anna Soares Bento, foi lançada a pedra fundamental da construção da sede da Casa da Amizade, em terreno doado pela companheira Maria Ilza Saraiva e seu esposo, Arlei Saraiva. Desde então, muito trabalho e ações foram realizadas para angariar fundos para a referida construção, que teve como engenheiro Afrânio Fernandes e como administrador responsável pela obra, Paulo de Jesus Prates.

Tendo em vista as constantes mudanças que permeiam o mundo contemporâneo e a velocidade dos fatos, houve a necessidade de alterar o Estatuto da Casa da Amizade das Senhoras dos Rotarianos de Bagé, em função de alguns artigos estarem obsoletos, o que se deu, de acordo com a ata número 3, registrada no Cartório das Pessoas Jurídicas de Bagé, no dia 27 de março de 2009. A partir dessa data, a associação passou a denominar-se “Casa da Amizade de Bagé.”


Novo ciclo para a entidade cinquentenária

A Casa da Amizade de Bagé mostra a união da força das mulheres da sociedade bajeense desde 1960. Visando fomentar as amizades e desempenhar o papel de voluntariado, a cada ano, a diretoria é renovada. Na próxima semana Maria Zilma Karam tomará posse na Casa da Amizade como presidente, disposta a contribuir com a entidade, com mais um mandato. Quem se despede do cargo é Saionara Prates. A solenidade acontece no salão de festas da casa, no dia 13 de junho, onde estarão presentes autoridades rotárias, imprensa, associadas e convidadas. A Casa da Amizade tem um grupo de senhoras associadas que se encontram, mensalmente, para confraternizar e angariar gêneros alimentícios, que são repassados a entidades carentes da cidade. Além desses encontros, outras promoções são desenvolvidas durante o ano com objetivo de contribuir com as entidades assistenciais.

 

Presidentes da Casa da Amizade desde sua fundação

 

1960/1961 - Maria Ignácia Gomes Peduzzi

1961/1962 - Ruth Marques Leguisamo

1962/1963 - Gladys Beltrand Avancini

1963/1964 - Mariinha Assunção Gaffrée

1964/1965 - Anunciação Gomes de Godoy

1965/1966 - Wanda Barcellos

1966/1967 - Vera Lúcia Alves Pereira Mércio

1967/1968 - Genny Cunha

1969/1970 - Talita Marques Bispo

1970/1971 - Ana Lúcia Nocchi Parera

1971/1972 -  Ignês Gomes Vaz

1972/1973 - Zaira Fonseca Ramos

1973/1974 - Ivete Araújo Saraiva

1974/1975 - Anunciação Gomes de Godoy

1975/1976 - Maria Brusch Ferreira

1976/1977 - Ione Gomes Jacottet

1977/1978 - Ercy Reis da Fontoura

1978/1979 - Anna Luisa Soares Bento

1979/1980 - Julietinha Silveira Bandeira

1980/1981 - Maria Célia freire Grillo

1981/1982 - Ida Salim Moraes

1982/1983 - Sônia Maria Veiga Pereira- Julietinha Bandeira

1983/1984 - Percilinha Rossell Romero

1984/1985 - Jandira Peres

1985/1986 - Ângela Sacco Scardoelli

1986/1987 - Léa Duarte Grande

1987/1988 - Lacy Galvão

1988/1989 - Leny Ingles da Silva

1989/1990 - Cléo Vasconcellos Nocchi

1990/1991 - Regina Sacco Costa

1991/1992 - Rose Mari  Ceratti da Rosa

1992/1993 - Maria do Horto Marques Pereira

1993/1994 - Anna Luisa Soares Bento

1994/1995 - Maria Zilma Gomes Karam

1995/1996 - Marta Helena Ebert Hamm Oliveira

1996/1997 - Matilde da Silva Borba

1997/1998 - Gladys Norma Rodriguez Souza

1998/1999 - Maria Otácilia Abreu

2000/2001 - Sandra Borba Antunes

2001/2002  - Maria da Graça Duarte  

2002/2003 - Verany Cauduro Pilon

2003/2004 - Eneide Do Amaral Ferreira   

2004/2005 - Fúlvia Augusta Grande de Macedo

2005/2006 - Maria da Graça Duarte  

2005/2006 - Maria da Graça Duarte  

2006/2007 - Cléo Nocchi

2007/2008 - Maria Otacília Abreu

2008/2010 - Odete Marques Silveira

2010/2011 - Anna Bento

2011/2012 - Rose Rosa

2012/2013 - Magda Beatris Maraschin 

2013/2014 - Ana Cristina Marques Silveira

2014/2016 - Maria da Graça Duarte  

2016/2017 - Saionara Prates

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias do caderno

Outras edições

Carregando...