ANO: 26 | Nº: 6523
18/07/2017 Cidade

Hospital Universitário inaugura 49 novos leitos

Foto: Tiago Rolim de Moura

Reitora, Lia Quintana, ao lado dos diretores do hospital, Henry Ritta e Rafael Ribeiro, do vice-prefeito, Manoel Machado, do coordenador regional da Saúde, Daltro Paiva, e do deputado federal Afonso Hamm
Reitora, Lia Quintana, ao lado dos diretores do hospital, Henry Ritta e Rafael Ribeiro, do vice-prefeito, Manoel Machado, do coordenador regional da Saúde, Daltro Paiva, e do deputado federal Afonso Hamm

A manhã fria de ontem foi especial para a equipe da Fundação Attila Taborda (FAT) e do Hospital Universitário. Além de comemorar os 206 anos de Bagé, também foi dia de celebrar a abertura de mais 49 leitos no Hospital Universitário (HU) doutor Mário Araújo, sendo 39 deles específicos para pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e 10 para convênios. Na mesma solenidade, foi inaugurado o ambulatório, batizado de Doutor Attila Taborda, que conta com quatro salas de atendimento.
Todos os leitos foram reformados e estão equipados com camas, colchões e cadeiras de acompanhantes novas. Os quartos contam com televisores, adquiridos com doações da comunidade, e acesso à internet. A ala também conta com sala de prescrição, expurgo e sala de enfermagem. A obra teve a duração de seis meses. Ao longo desta semana, os 24 leitos utilizados até então serão desativados, sendo substituídos pelos novos quartos.


Homenagem

Neto de Attila Taborda, fundador da FAT, Tibiriçá Taborda compareceu ao evento e à homenagem feita ao avô. Ele agradeceu a grande mobilização da comunidade. “Fico feliz em ver a participação dos bajeenses através de todas as doações. Meu avô era uma pessoa com um lado muito humano, sempre zelando pelo bem de todos. Com certeza, admiraria muito o trabalho que está sendo feito aqui”, comentou.


Reforço ao sistema

O secretário de Saúde do município, Mário Mena Kalil, afirmou que a abertura dos novos leitos irá desafogar o serviço prestado pela Santa Casa de Caridade. “Bagé, na contramão dos outros municípios do País, está abrindo leitos, ao invés de fechar”, salientou.
O vice-prefeito de Bagé, Manoel Machado, que representou o Executivo na solenidade, classificou a inauguração como um ‘presente de aniversário aos bajeenses’, no dia em que a cidade comemorou 206 anos. “Não poderia ter melhor comemoração para a nossa comunidade, que recebe esses leitos no dia de hoje (ontem), contando com um excelente serviço”, comemorou.


Período de conquistas

Os diretores do HU, que assumiram a gestão em 2016, Rafael Ribeiro e Henry Ritta, destacaram o grande desafio de reabrir o hospital, a convite da reitora da Urcamp e presidente da FAT, Lia Maria Herzer Quintana, e destacaram as conquistas da gestão, como a abertura do tomógrafo, que oferece 100 exames mensais para o município em um convênio no valor de R$ 96 mil, além da implantação do prontuário eletrônico e a reforma dos 49 leitos do hospital.
A presidente da FAT, Lia Quintana, destacou o período difícil enfrentado pelo hospital, com o fechamento, no ano passado, e homenageou os funcionários que foram desligados, na readequação do HU.
Lia também aproveitou para ressaltar que o convênio firmado com o município para uso do tomógrafo representa um terço da contratualização do hospital, que devolve os R$ 96 mil para a comunidade através dos serviços prestados no local. “A gestão e o compromisso com o Hospital Universitário são da FAT, mas a instituição é de toda comunidade”, destacou.
A reitora agradeceu, ainda, aos sete clubes de Rotary de Bagé, na ocasião representados pelos presidentes dos clubes Bagé Sul e Rotary Minuano, Ieda Silva Ianzer e Leonardo Bittencourt, respectivamente, pela doação de 300 lençóis e 150 fronhas para os novos leitos.


Tecnologia

A instituição conta, agora, com controle de acesso digital através de um cartão, que irá registrar, em um sistema, a entrada e saída dos acompanhantes. A tecnologia funcionará, também, na sala de prescrição médica, onde apenas os clínicos terão acesso.
Também é aguardada a reabertura do novo bloco cirúrgico em até 90 dias e a construção de uma usina de oxigênio, cujo valor do metro cúbico será 1/3 do atual, que irá atender a demanda necessária da instituição, com emenda parlamentar de R$ 300 mil, encaminhada pelo deputado federal Afonso Hamm.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...