ANO: 25 | Nº: 6488
20/07/2017 Esportes

Alvirrubro abre trabalhos para o segundo semestre de 2017

Foto: Tiago Rolim de Moura

Até semana que vem, equipe vai ganhar novos integrantes
Até semana que vem, equipe vai ganhar novos integrantes

O primeiro treino do Guarany Futebol Clube como preparação para a Copinha do segundo semestre de 2017 aconteceu na manhã de ontem. A atividade foi comandada pelo treinador Leco, juntamente com o preparador físico Sílvio Rogério da Silva e o treinador de goleiros Sandro Islabão.
No total, 14 jogadores já estão trabalhando no Estádio Estrela D’Alva. Outros atletas devem chegar e mais contratações serão anunciadas até a próxima semana. O grupo completo deve ter 24 jogadores. Leco pretende realizar trabalhos amanhã e na sexta-feira, em dois turnos, e no sábado pela manhã. O foco inicial deve ser no trabalho físico, até que todos os atletas estejam disponíveis.
O goleiro Guilherme, Thiago Saraçol, Valença, Edgar Alemão e Jaime Alves chegam ao Guarany até a próxima semana. Leco destaca que o clube está com as portas abertas e que vai buscar, também, talentos da cidade. O técnico lembra que, em 2006, quando o time conquistou o título do Acesso, havia 19 jogadores da Rainha da Fronteira.


Apresentação

A abertura oficial da segunda temporada aconteceu na noite de terça-feira, no Estádio Estrela D’Alva, quando o presidente Sabella destacou que esta foi uma das promessas da campanha.
Ele cobrou compromisso dos jogadores e resultado e disciplina do treinador Leco. “A primeira coisa que eu cobrei foi a contratação de homens que valorizem as cores do time. Respeitem essa história como nós respeitamos”, declarou.
O presidente disse que sabe das dificuldades, mas acredita no Guarany e está “tranquilo e feliz”. Ricardo Pizarro, responsável pelas contratações, destacou que, além da qualidade, o caráter também é uma das principais características na hora de definir as contratações.
O técnico Leco se emocionou ao lembrar da disputa na Divisão de Acesso este ano. Ele foi contratado para tentar livrar o time do rebaixamento, após o mau resultado do clube nas classificatórias, mas não conseguiu alcançar o objetivo. “Não é a derrota do passado que vai fazer eu me entregar”, disse. Durante o treino, no dia seguinte, ele também ressaltou que considera sua volta ao clube como um “trabalho importantíssimo”.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...