ANO: 25 | Nº: 6384
26/07/2017 Cidade

Hospitais recebem concertos comunitários do Fimp

Foto: Antônio Rocha

Na Santa Casa, menino observa sua primeira apresentação de violino
Na Santa Casa, menino observa sua primeira apresentação de violino

O silêncio característico dos hospitais foi quebrado pelos acordes das delicadas sinfonias que ecoaram pelos corredores das duas casas de saúde de Bagé na tarde de ontem. Como os pacientes internados não podem ir até o Festival Internacional Música no Pampa (Fimp), os músicos foram até eles, no Hospital Universitário Doutor Mário Araújo, mantido pela Fat/Urcamp, e na Santa Casa de Caridade.
Coordenadora do concerto comunitário realizado ontem, Andrea Turato explica que o repertório foi escolhido a dedo, selecionando algumas canções mais tranquilas, para serem executadas por uma dupla de violinistas. Entre as canções, clássicos como composições de Arcangelo Corelli, tangos, bossa nova e, até mesmo, The Beatles. “Como estamos em um ambiente em que as pessoas já estão fragilizadas, escolhemos músicas calmas, mas alegres, que possam incentivar a melhora dos pacientes”, destaca.
Enquanto a música era executada pelas hábeis mãos da dupla de músicos, o casal Olga Bittencourt, 60 anos, e Sidalino da Silva, 68 anos, aproveitavam o espetáculo do quarto em que ele está internado no Hospital Universitário desde o último domingo.
Os dois comentam que apesar de não estarem muito familiarizados com música de câmara, apreciam muito apresentações deste tipo, ainda mais em um ambiente pouco convidativo como um quarto de hospital. “É uma música bem calma, gostosa de ouvir. É um barulho bem-vindo”, brinca.
Os músicos realizaram apresentações em duas alas do Hospital Universitário e em seguida rumaram para a Santa Casa de Caridade, onde apresentaram o repertório para outros pacientes internados.
Hoje, os concertos comunitários iniciam às 14h30min, no Centro do Idoso. Às 15h é a Universidade Federal do Pampa (Unipampa) que recebe os músicos. As atividades comunitárias do dia encerram às 20h, com apresentação na loja maçônica Estrela 41.
À noite, a partir das 20h, no complexo cultural do Museu Dom Diogo de Souza, acontece a “Quarta EnCanto”, com a mezzo-soprano Angela Diel e o pianista Ney Fialkow, apresentando um programa que inclui Johannes Brahms, Antonín Dvořák e Manuel de Falla.


Programação de hoje

Johannes Brahms (1833 - 1897)
Zigeunerlieder Op. 103

I. He, Zigeuner
II. Hochgetürmte Rimaflut
III. Wüsst ihr, wann mein Kindchen
IV. Lieber Gott, Du weisst
V. Brauner Bursche
VI. Röslein dreie
VII. Kommt dir manchmal in den Sinn
VIII. Rote Abendwolken

Antonín Dvořák (1841 - 1904)
"Zigeunermelodien" Op. 55

1. Mein Lied ertönt
2. Ei, wie mein Triangel wunderherrlich laute!
3. Rings ist der Wald so stumm und still
4. Als die alte Mutter mich noch lehrte singen
5. Reingestimmt die Saiten
6. In dem weiten, breiten, luft'gen Leinenkleide freier der Zigeuner
7. Darf des Falken Schwinge Tatrahoh'n umrauschen

Manuel de Falla (1876 - 1946)
Siete canciones populares españolas

I. El paño moruno
II. Seguidilla murciana
III. Asturiana
IV. Jota
V. Nana
VI. Canción V
VII. Polo

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...