ANO: 24 | Nº: 6161

Airton Gusmão

redacaominuano@gmail.com
Pároco da Catedral
29/07/2017 Airton Gusmão (Opinião)

Parábolas de Jesus Cristo

Continuamos ouvindo as parábolas de Jesus Cristo que falam do Reino de Deus, onde ele vai convidando a todos para que acolham esta Boa Notícia, discernindo e fazendo uma escolha fundamental pelo seu Reino. Neste último domingo do mês de julho temos presente mais três parábolas: a do tesouro escondido, a do comprador que procura pérolas preciosas e a da rede lançada ao mar e que apanha peixes de todo o tipo, selecionando os bons em cestos e jogando fora os que não prestam (Mt 13,44-52).
A pesca representa a oferta do Reino que se faz presente a todos, convidando ao seu seguimento, a descoberta do seu valor diante de outras opções que o mundo vai fazendo a cada um de nós.
Neste final de semana, de 28 a 30, estará acontecendo em Caxias do Sul o primeiro Congresso Missionário Regional, com o tema “A alegria do Evangelho para uma Igreja em saída”, com certeza inspirado no mandato de Jesus: “Ide”, bem como no testemunho e desafio do Papa Francisco, para uma Igreja em saída.
Jesus Cristo, missionário do Pai, envia, pela força do Espírito, seus discípulos em constante atitude de missão (Mc 16,15), por meio do testemunho e do anúncio explícito de sua pessoa e mensagem. É importante nunca esquecer que a Igreja é missionária por natureza. Ela existe para anunciar por gestos e palavras, a pessoa e a mensagem de Jesus Cristo.
Diante da proposta do Reino, a rede lançada no mar da vida, há uma proposta de um caminho e um modo de viver, que deve se identificar com o de Jesus Cristo, através do compromisso de amor, de acolhida de misericórdia e justiça, o que implica uma escolha radical por ele e o seu Reino.

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...