ANO: 25 | Nº: 6235
05/08/2017 Cidade

ForGrad encerra com elaboração da Carta Bagé

Foto: Tiago Rolim de Moura

Última atividade debateu sobre Formação Superior x Formatação
Última atividade debateu sobre Formação Superior x Formatação

O Fórum de Pró-Reitores de Graduação da região Sul do Brasil (ForGrad Sul) encerrou na sexta-feira, pela manhã, reunindo mais de 200 participantes de 30 instituições de ensino de diversos estados do Brasil. Com o tema “Saberes docentes e práticas pedagógicas na Educação”, o evento congregou profissionais da graduação durante dois dias, no complexo cultural do Museu Dom Diogo de Souza.
A pró-reitoria acadêmica da Universidade da Região da Campanha (Urcamp) e coordenadora do primeiro ForGrad Sul, sediado em Bagé, Virgínia Paiva Dreux, afirma que o evento foi extremamente positivo, com palestras de muita relevância e que abordaram temas atuais. “Tenho certeza de que as experiências trocadas neste evento serão aplicadas dentro das salas de aulas das universidades participantes”, destacou.
Durante a manhã de sexta-feira, a última atividade apresentada aos participantes foi a mesa de discussão “Formação Superior x Formatação”, da qual participaram o doutor Guto Niche (Unilasalle) e doutor Maurício Aires, vice-reitor da Unipampa, mediado pela doutora Viviane Kanitz Gentil (Unipampa e Urcamp).
Em seguida, Virgínia e a pró-reitora de Inovação, Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Urcamp, Elizabeth Drumm, encerraram as atividades com a enumeração de tópicos para a elaboração da Carta de Bagé. O documento apresenta um compilado dos temas abordados durante os dois dias de evento, além de sugestões que serão apresentadas no ForGrad Nacional, que acontece entre os dias 31 de agosto e 2 de setembro.
“A carta compila as informações dos dois dias de evento, mas também é um documento propositivo, que levará ao âmbito da discussão nacional os temas que os participantes do fórum, profissionais do meio da Educação Superior, apontaram durante o evento”, destacou Virgínia.
No documento, também devem constar sugestões dos participantes, como a fala do pró-reitor de Graduação da Universidade Federal de Rio Grande (Furg), Renato Duro Dias. A proposição apresentada por ele é a exigência de representação do Fórum nas decisões de políticas públicas para a Educação Superior. “É um momento de inquietação, em que devemos tomar um posicionamento da parcela comprometida da população em pensar a realidade deste País. A carta deve acenar os saberes e práticas pedagógicas, sim. Mas também deve trazer imbricada a necessidade de formatação de políticas públicas gestadas pelo MEC (Ministério da Educação)”, destacou.
O resumo com eixos temáticos abrange temas como a flexibilização do currículo acadêmico, práticas pedagógicas, convergência entre educação presencial e a distância, uso de novas tecnologias no ensino de graduação, democratização do acesso ao Ensino Superior, interdisciplinaridade e integração entre graduação e pós-graduação. As mais de 20 páginas de resumo devem ser analisadas e a compilação da carta será feita de forma colaborativa, apresentada aos participantes antes do envio para o ForGrad Nacional.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...