ANO: 26 | Nº: 6523
09/08/2017 Cidade

Ainda mais unidos pela paixão ao esporte

Foto: Tiago Rolim de Moura

Messias divide o tempo nas tarefas da casa, trabalho e no cuidado com os filhos
Messias divide o tempo nas tarefas da casa, trabalho e no cuidado com os filhos

A prática esportiva parece estar presente no DNA de José Messias, já que seu gosto por atividades físicas foi passado para os filhos. Ele divide o tempo entre o trabalho, como instrutor no Centro de Formação de Condutores (CFC), secretário, corredor pela Associação dos Corredores de Rua de Bagé (Acorba) e, claro, pai.
Messias veio de Bento Gonçalves para Bagé em 2009. Ele lembra que começou no atletismo aos 26 anos. Antes, porém, havia praticado artes marciais e jogado futebol. “Desde pequeno eu faço atividades”, conta. Hoje, com a agenda corrida, com trabalho das 7h às 19h e o almoço cuidando dos filhos, ele reserva as tardes de sábado para correr.
O pai esportista chegou à Rainha da Fronteira após sua separação, junto com os filhos Júlia Messias, agora com 15 anos, e Henrique Messias, atualmente com 17 anos. Ele relata também que, para treinar, contava com a ajuda da mãe, para cuidar dos pequenos. Hoje, Júlia treina com o pai nas tardes de sábado – no tempo livre da família. Henrique é faixa laranja no karatê e faixa amarela em kickboxing. Lucas Messias, 24 anos, que optou por ficar em Bento Gonçalves, cursa Direito, luta taekwondo e muay thai.
A esposa de Messias, Gisele, com quem ele é casado há seis anos e tem duas filhas, também pratica esporte sempre que pode. Ela é professora e tem pouca disponibilidade de horário, mas reserva um tempo para academia e caminhada. Todas as atividades do casal são combinadas com os cuidados à Geiane, de 12 anos, e Alícia, com um ano e quatro meses – as futuras atletas da família Messias.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...