ANO: 24 | Nº: 6161
15/08/2017 Campo e Negócios

Renovação na raça Crioula vai marcar final do Freio de Ouro

Foto: Divulgação

Alto nível racial e muita experiência vão garantir uma final brilhante
Alto nível racial e muita experiência vão garantir uma final brilhante

A renovação na raça Crioula, que vem sendo observada com a entrada de novos criadores, usuários e ginetes, será demonstrada na final do Freio de Ouro deste ano, que chega a sua 35ª edição. Na pista do cavalo Crioulo, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, durante o primeiro final de semana da Expointer, tradicionais criatórios e renomados ginetes dividirão espaço com competidores emergentes que se destacaram ao longo das classificatórias e vão disputar até a última corrida o maior título da raça.
De acordo com o vice-presidente de Eventos da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Eduardo Azevedo, o nível entre os conjuntos que estarão na final é de igualdade e isto não dá margem para eleger favoritos de antemão. "Sem dúvida, esperamos um Freio de Ouro muito parelho como estamos vendo com o crescimento ano a ano. Temos muitos ginetes novos entrando e os mais consagrados se especializando cada vez mais. Temos um nível de animais com morfologia alta e andando muito bem", observa. Sobre a entrada de novos competidores, entre ginetes e expositores, Azevedo acredita que o fato se deve ao trabalho de expansão que vem sendo realizado pela entidade nos últimos anos, o que vem gerando interesse de novos investidores na raça. "Estes fatos demonstram o crescimento da raça. Com a entrada de novos ginetes e criadores, vamos confirmando o reflexo positivo do trabalho da ABCCC com a raça Crioula neste trabalho de expansão", destaca.
Os jurados partilham da mesma opinião. Para Luis Rodolfo Machado, responsável pelo julgamento das fêmeas junto com Carlos Loureiro de Souza e Luiz Alberto Martins Bastos, a percepção da evolução do nível dos animais já é notada durante as classificatórias, o que dá um termômetro para a grande final. "Conforme vão ocorrendo as classificatórias, vamos sentindo que o nível vem melhorando a cada ano. E este ano tivemos novidades de ginetes e expositores. Temos exemplos de ginete que vai participar pela primeira vez de uma final e já colocou quatro animais em Esteio", ressalta.
Para André Luiz Narciso Rosa, que será um dos jurados dos machos, juntamente com Mário Móglia Suñe e João Francisco Silveira da Silveira, o nível dos classificados é uniforme e os novos entrantes na raça Crioula mostram que se fazendo as escolhas corretas, pode-se alcançar o pódio. "Será uma grande final, sem favoritos, com médias muito parelhas, o que cria um nível muito parelho. Teremos criadores novos e afixos novos mostrando que tem muita gente investindo no Cavalo Crioulo e que a raça tem credibilidade. E investindo de maneira certa, fica comprovado que é possível chegar nas finais", afirma.
A grande final do Freio de Ouro está marcada para o período entre 24 e 27 de agosto. O circuito do Freio de Ouro 2017, organizado pela ABCCC, conta com o patrocínio de Ipiranga, Massey Ferguson e Ford. O apoio é da Supra.

Programação

23 de agosto (quarta-feira)
12h - Término da entrada dos animais do Freio de Ouro
14h - Início do exame de admissão Freio de Ouro (fêmeas)
15h - Término do exame de admissão Freio de Ouro (fêmeas)
15h - Início do exame de admissão Freio de Ouro (machos)
16h - Término do exame de admissão Freio de Ouro (machos)

24 de agosto (quinta-feira)
8h30min - Morfologia do Freio de Ouro (fêmeas)
13h30m - Morfologia do Freio de Ouro (machos)
21h - Leilão Estância Vendramin (Trajano Silva Remates)

25 de agosto (sexta-feira)
7h - And./ Figura/ VSP e Esb. (fêmeas)
12h45min - And./ Figura/ VSP e Esb. (machos)
21h - BT a marca da Função (Premier e Tellechea e Bastos Leilões)

26 de agosto (sábado)
8h - Prova de mangueira 1ª fase (fêmeas e machos)
14h - Prova de campo - 1ª fase (fêmeas e machos)
21h - Remate Cabanhas Santa Angélica e Maufer (Trajano Silva Remates)

27 de agosto (domingo)
12h30min - Solenidade de abertura do Freio de Ouro
13h - Prova de mangueira
14h45min - Prova Bayard/Sarmento
15h50min - Prova de campo
17h - Entrega de prêmios
21h - Remate Reconquista Agropecuária (Trajano Silva Remates)

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...