ANO: 26 | Nº: 6527
16/08/2017 Cidade

Beneficiários do Residencial São Sebastião reivindicam entrega das unidades

Foto: Antônio Rocha

Grupo pede previsão para entrega dos apartamentos
Grupo pede previsão para entrega dos apartamentos

Cerca de 30 beneficiários do Residencial São Sebastião realizaram, ontem, uma manifestação em frente ao condomínio, em Bagé. Eles reivindicam a entrega das unidades, enquanto o município rebate que falta apenas a vistoria dos apartamentos para a entrega das chaves.
Laura Santos de Souza, 82 anos, é uma das beneficiadas que aguardam a moradia. Na tarde de ontem, uma das futuras moradoras de mais idade compareceu ao ato de reivindicação, exigindo a entrega dos apartamentos. “Eu estou há seis meses pulando de uma casa de parente para a outra porque ainda não tenho a minha. Quero receber meu apartamento antes de morrer”, diz.
O futuro síndico do prédio, Silvano Jardim, comenta que até segunda-feira havia sido informado de que ainda faltavam as duas vistorias dos prédios. Ontem, ao chegar ao local da manifestação, foi informado, por um cartaz instalado pelo poder público, que as vistorias serão realizadas em breve. “Estamos esperando que alguém nos esclareça a situação. Depois da vistoria dos moradores, o que mais falta? Pelo que eu saiba, a Secretaria (da Habitação) ainda não tem o laudo do Banco do Brasil, que averiguou se as estruturas estão dentro das normas”, frisa.
Jardim montou uma barraca, em frente ao residencial. Ele promete permanecer no local até que as unidades sejam entregues.
O titular da Secretaria de Assistência Social, Habitação e Direitos do Idoso, Carlos Adriano Carneiro (Esquerda), informa que o trabalho de responsabilidade da prefeitura foi todo concluído e não há nenhuma pendência com relação ao Residencial São Sebastião, que consistiam no asfaltamento de acesso e no trabalho técnico social.
O titular da pasta ainda informa que já há datas para a última etapa do processo. A realização da vistoria dos próprios beneficiários, cujos agendamentos estão sendo realizados por telefone e que já têm data para ocorrer, de 21 de agosto a 1º de setembro. "Os 300 contratos já estão prontos. Estamos há apenas dois passos de entregar, aguardando a vistoria. Os moradores, posteriormente, serão chamados para assinatura dos contratos. Estamos tão ansiosos por entregar as moradias quanto eles", afirma.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...