ANO: 25 | Nº: 6386
23/08/2017 Editorial

Força do campo

Estudo divulgado, ontem, pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) projeta um crescimento superior a 10% para o Produto Interno Bruto (PIB) Agropecuário, em 2017. A projeção, que integra a seção de Economia Agrícola, da Carta de Conjuntura, é positiva para a região, que tem no campo uma das principais forças econômicas. Uma perspectiva positiva, de maneira geral, é benéfica para a Campanha gaúcha.
O indicador do Ipea, de acordo com nota da Agência Brasil, também apontou uma alta de 13,5% acumulado no ano até o mês de junho. O destaque fica por conta da lavoura, que cresceu mais de 19% no período. O diretor de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, José Ronaldo Souza Júnior, um dos editores da seção, destacou, em entrevista, que o setor agrícola tem muitas peculiaridades. A principal talvez esteja no potencial de superar as expectativas.
O mercado compreende uma particularidade importante. Os produtores não trabalham apenas para suprir demandas domésticas. A exportação, uma vocação inegável, tem peso neste contexto. Ainda falta, por outro lado, um olhar mais atento no que se refere à infraestrutura. Os números que devem ser alcançados, mesmo diante de um cenário pontuado por deficiências em estradas e portos, comprovam que o campo ainda tem força para virar o jogo em favor da economia.

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...