ANO: 25 | Nº: 6399

Divaldo Lara

divaldolara@gmail.com
04/09/2017 Divaldo Lara (Opinião)

Mais dois compromissos que estamos cumprindo

Na semana passada, o secretário de Assistência Social, Habitação e Direitos do Idoso, Carlos Eduardo Carneiro, o Esquerda, e eu, assinamos o termo de colaboração da prefeitura com as entidades assistenciais para que voltem a receber os valores que foram interrompidos em 2016.
Bagé é uma das primeiras cidades do Rio Grande do Sul que se adéqua à lei 13.019, de julho de 2014, que é a lei que institui normas gerais para as parcerias voluntárias, envolvendo ou não transferências de recursos financeiros, estabelecidas pela União, estados e municípios e respectivas autarquias, fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista prestadoras de serviço público com organizações da sociedade civil, em regime de mútua cooperação, para a consecução de finalidades de interesse público.
Estavam à espera dessa adequação a Apae, o Caminho da Luz, a Vila Vicentina, o Centro de Educação Alternativa, a Associação dos Deficientes Visuais de Bagé e o grupo Renascer, que passam a receber, mensalmente, a partir deste mês, valores que já recebiam.
Sinto-me aliviado e feliz com essa retomada dos pagamentos. É um passo importante para o que queremos, com transparência, na relação entre as entidades e o governo municipal.
Essas instituições, que prestam serviços para os bajeenses devem ser apoiadas pela Prefeitura, devido a grandeza do trabalho e o alcance social.


Anel Rodoviário
A obra do Anel Rodoviário, retomada no início do nosso governo, depois de 30 anos parada, neste segundo semestre chega a sua fase final na zona sudoeste da cidade.
Em tempos de crise e contenção de despesas, a prefeitura conseguiu a liberação de R$ 600 mil da Metroplan, o que permitirá a continuação de uma obra que é o sonho dos moradores daquela região e, com certeza, de toda a cidade. Asfalto é sempre sinal de progresso. No entanto, tudo isso acontece devido as articulações políticas e técnicas e uma boa relação do nosso Município com o Governo do Estado. O secretário de Gestão, Planejamento e Captação de Recursos, Eduardo Deibler, esteve em Porto Alegre em audiência com o Chefe da Casa Civil, Fábio Branco, e oficializou a entrega das medidas realizadas da obra, o que garantiu a liberação dos recursos.
O compromisso que assumimos com a população é pavimentar 50 quilômetros de ruas em quatro anos. Meu otimismo e o trabalho da equipe, político e técnico, faz-me acreditar que podemos ultrapassar esse limite. Tomara. Porque tenho afirmado essa necessidade. Precisamos e vamos recuperar a dignidade dos moradores dos bairros, não apenas distante, mas próximos do Centro, com pavimento, melhor assistência social, educação de qualidade e serviços eficientes de saúde. Esse é um compromisso que revalido todos os dias ao levantar pela manhã.
Um bom setembro a todos!

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...