ANO: 24 | Nº: 6163

José Artur Maruri

josearturmaruri@hotmail.com
Colaborador da União Espírita Bajeense bagespirita.blogspot.com.br
16/09/2017 José Artur Maruri (Opinião)

Sobre as comunicações

Ainda sobre as comunicações, vale prestar atenção na sequência do diálogo entre um padre e Allan Kardec, reproduzido pela obra “O Que é o Espiritismo”. Nele encontraremos a questão das Leis Gerais do Universo em contradição com os chamados “artigos de fé”.
“Padre - A Igreja não nega que bons Espíritos possam comunicar-se, pois reconhece que os santos também se têm manifestado; ela, porém, não considera bons aqueles que vêm contradizer seus princípios imutáveis. Os espíritos ensinam, é verdade, que há penas e recompensas futuras, porém, de modo diverso do que ela ensina; só ela pode julgar o que eles pregam e, portanto, distinguir os bons dos maus.
Allan Kardec - Eis a magna questão. Galileu foi acusado de heresia e de ser inspirado pelo demônio, porque vinha revelar uma Lei da natureza, provando o erro de uma crença julgada inatacável, e, então, foi condenado e excomungado. Se os Espíritos tivessem, sobre todos os pontos, abundado no sentido exclusivo da Igreja, se eles não proclamassem a liberdade de consciência e não condenassem certos abusos, teriam sido todos bem-vindos e não os qualificariam de demônios. Tal é também a razão porque todas as religiões, os muçulmanos como os católicos, crendo-se na posse exclusiva da verdade absoluta, olham como obra do demônio qualquer doutrina que não é inteiramente ortodoxa, do seu ponto de vista. Ora, os Espíritos vêm, não destruir a religião, mas, como Galileu, revelar-nos novas Leis da natureza. Se alguns pontos de fé sofrem com isto, é porque, como na velha crença de girar o Sol ao redor da Terra, estão em contradição com essas leis. A questão está em saber se um artigo de fé pode anular uma lei natural, que é obra de Deus; e se, sendo essa lei reconhecida, não será mais racional adaptar a interpretação do dogma a ela do que atribuí-la ao demônio.
(Referências: Texto extraído da obra “O Que é o Espiritismo” de autoria de Allan Kardec. Publicado em Paris no ano de 1869. Editado pela FEB Editora. p. 112-113)

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...