ANO: 24 | Nº: 6058
03/10/2017 Cidade

Mais de 1,5 mil candiotenses estão com títulos de eleitor cancelados

Foto: Rosane Coutinho

Ação totalizou 78,37% do eleitorado recadastrado
Ação totalizou 78,37% do eleitorado recadastrado

Após uma série de campanhas que envolveram a locomoção de estrutura e a troca no horário de atendimento, o prazo para recadastramento biométrico dos eleitores de Candiota acabou na quarta-feira passada, faltando 1.561 pessoas para formalizar o processo.

De acordo com a chefe de cartório, Daiane Conte, as pessoas ainda não recadastradas tiveram seu título de eleitor cancelado e para evitar futuros problemas precisam normalizar a situação. Para isso, devem comparecer à 142ª Zona Eleitoral, portando algum documento de identidade, título eleitoral e algum comprovante de residência expedido nos últimos três meses. O cartório está aberto das 12h às 19h, na rua Marechal Deodoro, nº 274.

O cancelamento do título de eleitor pode ocasionar diversos problemas, como o impedimento para obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter empréstimos e o impedimento na inscrição de concursos públicos.

Campanhas

Durante o período de recadastramento, a Justiça Eleitoral realizou uma série de campanhas para atender aos candiotenses. Pelo menos uma vez por mês, o cartório, em Bagé, abriu durante os sábados e domingos, das 9h às 15h. Além disso, entre junho e julho, uma equipe da 142ª Zona Eleitoral se locomoveu para Candiota, onde foram postos quatro guichês em um ponto de atendimento. Por fim, neste último mês de atuação, o horário de atendimento foi estendido, abrindo pelas manhãs, a partir das 9h.  

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...