ANO: 23 | Nº: 5813
12/10/2017 Campo e Negócios

Expoaula reúne 700 alunos no parque da Rural

Foto: Tiago Rolim de Moura

Forno de barro é uma das atrações da minifazenda
Forno de barro é uma das atrações da minifazenda

Alunos de escolas públicas e particulares participaram, na quarta-feira, da quarta edição do projeto Expoaula, realizado através da parceria entre Associação e Sindicato Rural de Bagé e os cursos de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade da Região da Campanha (Urcamp). A atividade, desenvolvida durante a 105ª Expofeira, tem como objetivo proporcionar conhecimento e entendimento sobre o trabalho realizado pelo produtor rural, aproximando os jovens das lides do campo.
A visitação iniciou no salão nobre da Associação e Sindicato Rural e encerrou com uma visita na minifazenda Rainha da Fronteira, projeto criado em parceria com o 25º Grupo de Artilharia de Campanha (25º GAC), através do Piquete Pistoleiros do Candal. Os alunos também conheceram aspectos sobre o cavalo Crioulo, visitaram o estande do Instituto Riograndense do Arroz (Irga) e conheceram a máquina CataMoeda, que incentiva a educação financeira.
Conforme a coordenadora do projeto e do curso de Agronomia da Urcamp, Eliana Silveira, a cada ano aumenta a procura de escolas querendo participar da ação. Ela conta que esta edição foi realizada em apenas um dia, devido ao feriado de Nossa Senhora Aparecida.
Eliana ressalta que a expoaula é um trabalho de extensão para os alunos dos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária e os participantes recebem certificado como atividade complementar.


CataMoeda
Uma das atrações da feira é a máquina CataMoeda. O equipamento está colocado no estande da Sicredi. Conforme o assessor de Comunicação e Marketing, Eduardo Braga Botelho, o CataMoeda é um serviço inovador, criado para solucionar o problema da falta de troco de maneira criativa e oferece diversas opções para a troca de moedas. “A pessoa tem a opção de depositar na conta ou favorecer alguma campanha”, conta.


Minifazenda
Na minifazenda, as crianças tiveram demonstrações de encilha, esquila e ordenha. Elas conheceram equipamentos antigos, usados na lida do campo. De acordo com o administrador do parque, Luciano Gonçalves, o local conta com um poço ornamental e um forno de barro, onde foram confeccionados pães caseiros. Além disso, as crianças tiveram acesso à máquina de debulhar milho manual, arados e uma carroça colonial.


Cavalo Crioulo

Os estudantes puderam acompanhar parte da programação do Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Bagé, que iniciou na quarta-feira, com a concentração de exemplares. Nesta quinta-feira, durante todo o dia, serão realizadas as provas morfológicas e, segundo o presidente da entidade, Luis Mário Dias, à tarde haverá uma programação especial para o Dia das Crianças.
Dias salienta que a Criolândia é uma atividade desenvolvida pelo núcleo em parceria com o centro de equitação Terra Negra, de Felipe Silveira, e irá contar, nesta quinta-feira, com a apresentação de gineteada em cavalo de pau, encilha e outras atividades para as crianças.
Para as 18h está prevista uma palestra técnica sobre ‘Pilares da Raça’, ministrada pelos produtores Luis Carlos Albuquerque, de Jaguarão, e Rodrigo Teixeira, de Santa Vitoria do Palmar.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Outras edições

Carregando...