ANO: 26 | Nº: 6527
21/10/2017 Esportes

Evento no Militão marca abertura de Olimpíadas Escolares

Foto: Daiane Lima/ Especial JM

Cerca de 900 alunos passarão pelo Militão, disputando em seis modalidades diferentes.
Cerca de 900 alunos passarão pelo Militão, disputando em seis modalidades diferentes.

O desfile das delegações participantes das Olimpíadas Escolares marcou a abertura do evento na tarde de sexta-feira, no Ginásio Presidente Médici (Militão). Cerca de 900 estudantes de 32 escolas diferentes passarão pelo mesmo local, nos próximos dias, competindo nas modalidades esportivas de vôlei, futsal, handebol, basquete e atletismo, nas categorias mirim, infantil e juvenil. Disputam instituições das redes particular e pública, federal, estadual e municipal.
Em seguida, houve o acendimento da pira olímpica. O fogo foi levado por João Vítor Caldas Almeida, 14 anos, estudante da Escola Estadual Félix Contreiras Rodrigues. O jovem foi destaque no salto em altura neste ano. Almeida ficou em segundo lugar nos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (Jergs) e subiu no lugar mais alto do pódio nos Jogos Escolares da Juventude, competição de nível nacional, realizada em Curitiba, no Paraná.
Ao final, alunos e convidados aproveitaram o espetáculo circense Alegria. A fanfarra do 3º Regimento de Cavalaria Mecanizado (3º RC Mec) também tocou na abertura das olimpíadas. Dez professores foram homenageados pelo incentivo à prática de esporte. Fernando Osório Batista, 66 anos, foi um dos profissionais destacados. Ele completa 35 anos de magistério no final de 2017.
Batista trabalha na Escola Estadual de Ensino Fundamental Arnaldo Faria e leciona para alunos dos 1º ao 9º anos do Ensino Fundamental. “Ficamos muito felizes e satisfeitos com o retorno dos jogos. Esperamos que as atividades continuem nos próximos anos”, declara. Os outros docentes homenageados foram Nair Ferreira, Fernando Baptista, Débora Moraes, Claúdia Lignhon, José Osvaldo Telles, Gerson Previtalli e Denise Gonçalves.
O representante da pasta de Juventude, Esporte e Lazer, João Schardosim, afirma que o objetivo é promover a inclusão social, ‘da qual o esporte é a maior ferramenta’. Esse é o primeiro passo, conforme o secretário, para efetivar políticas públicas de esporte. “Além de formar o cidadão, também sabemos que vamos descobrir talentos aqui na cidade”, salienta. Ele explica que a arbitragem de todos os jogos será realizada por funcionários da secretaria, o que reduziu os custos das olimpíadas.
O evento está sendo organizado pela Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), com apoio da Secretaria de Educação e Formação Profissional (Ead). Os jogos estão sendo organizados por Élton Garcia. As disputas começam no dia 24 de outubro, com o vôlei. O encerramento será no dia 1º de dezembro. Os jogos contam, também, como etapa classificatória dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (Jergs).

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...