ANO: 25 | Nº: 6386
31/10/2017 Segurança

General Luiz Felipe Médici Candiota morre em Porto Alegre

Foto: Divulgação

General Candiota foi comandante do 3ª RC Mec
General Candiota foi comandante do 3ª RC Mec

O general de divisão Luiz Felipe Médici Candiota, natural de Bagé, faleceu, ontem, aos 78 anos, em Porto Alegre, por volta das 10h30min. Era filho de Raul Candiota e de Maria Renée Candiota. Deixa a esposa Marta Farinha Candiota, as filhas Rosane, Clarissa e Thais e netos.
Candiota estudou na Escola de Cadetes de Porto Alegre (1955-1957) e nas Agulhas Negras (1958-1960). Cursou, ainda, as Escolas de Equitação, Aperfeiçoamento de Oficiais, Estado Maior e Superior de Guerra. Foi aspirante e tenente no então 12º RC e 3º RC Mec e em Uruguaiana (8º RC). Também foi instrutor da Academia Militar, tendo, depois, servido em Quaraí (1977). O general comandou o 3º Regimento de Cavalaria Mecanizado (3º RC Mec), entre 1985 e 1986, e a 3ª Brigada de Cavalaria Mecanizada (3ª Bda C Mec), entre 1993 e 1995.
Já oficial superior, foi adjunto de operações na 6ª DE e instrutor da Escola de Polícia do Rio Grande do Sul, depois da Escola de Estado Maior. Foi oficial de gabinete do ministro do Exército e assessor parlamentar. Adido Militar em Portugal (1989-91). Também serviu no Estado Maior das Forças Armadas (EMFA), em Brasília.
Chefiou a Secção de Operações Terrestres e o Gabinete do Departamento de Pessoal. Como general, dirigiu a secção de Inativos e Pensionistas, comandou a 3ª Região Militar (1997-1999) e dirigiu o Departamento de Mobilização. Foi agraciado com as medalhas Militar, do Pacificador, do Mérito Tamandaré e Comendador do Mérito Militar, Naval e das Forças Armadas. Em Portugal, recebeu a Medalha Militar do Exército lusitano. Passou para reserva em 2000.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...