ANO: 23 | Nº: 5793
14/11/2017 Fogo cruzado

Bagé sedia reunião da Assudoeste

Foto: Rodrigo Sarasol

Prefeitos da região se reuniram ontem
Prefeitos da região se reuniram ontem

A Prefeitura de Bagé promoveu, ontem, a segunda reunião da Associação dos Municípios da Região Sudoeste do Estado (Assudoeste). Presidido pelo prefeito de Bagé, Divaldo Lara, do PTB, o encontro contou com a presença dos sete municípios (Bagé, Candiota, Hulha Negra, Dom Pedrito, Lavras do Sul, Aceguá e Caçapava do Sul) filiados. O objetivo foi debater soluções para os problemas enfrentados nas administrações.
O principal tema tratado pelos membros da Assudoeste foi a união pelo desenvolvimento da região. Foram destacados, entre os temas, a mobilização regional para retomada dos voos regulares comerciais no Aeroporto Internacional de Bagé, o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Alto Camaquã e a lei que dispõe sobre o Imposto Sobre Serviço (ISS) das operações de leasing das instituições financeiras locais. Os valores, antes da mudança já aprovada em Bagé, eram destinados para cidades do interior de São Paulo.
Também foram apresentados programas que podem ser implementados nos municípios, a exemplo do Prefeito Amigo da Criança, criado pela Fundação Abrinq, que busca mobilizar e apoiar tecnicamente as cidades na implementação de ações políticas voltadas para a garantia dos direitos das crianças e adolescentes. O Movimento Gaúcho da Mulher Municipalista, lançado recentemente pela Famurs, que foca na motivação às mulheres para maior participação na política, também foi discutido. Os prefeitos debateram, ainda, a possibilidade de realização de um encontro binacional de cidades fronteiriças, em 2018, e um Seminário Nacional sobre Implementação das Metas de Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS).
“O que acontece em cada município reflete nos demais da região. Esta união e troca de experiências permite que possamos agir em busca de um crescimento maior, sob o ponto de vista regional”, enfatiza Divaldo.
“Precisamos buscar o desenvolvimento e temos força suficiente para lutar pelas nossas demandas. É uma região esquecida pelos governos estadual e federal e, por isso, precisamos fortalecê-la”, frisa o prefeito de Lavras do Sul, Sávio Prestes, PDT.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...