ANO: 25 | Nº: 6353
18/11/2017 Cidade

Prefeitura lança edital para implantação de travessias aéreas em rede de esgoto

Foto: Tiago Rolim de Moura

A Prefeitura de Bagé lançou, nesta semana, o edital para a contratação da empresa que realizará a obra das travessias aéreas que farão parte da rede de captação do esgoto sobre os arroios Gontan e Bagé. Conforme os dados passados pelo Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb), o empreendimento se resume na construção de nove travessias não subterrâneas, que se estenderão por 273,8 metros.
O orçamento estimado pelo edital é de R$ 1.009.582,90. As empresas interessadas devem entregar suas propostas até o dia 4 de dezembro. A expectativa é que a obra seja concluída até seis meses após ser dada a ordem de início. O diretor geral do Daeb, Volmir Silveira, explica que a construção finaliza a primeira etapa do projeto de saneamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), iniciada em 2010. Silveira destaca que, após ser finalizada, a iniciativa deve beneficiar mais de 30 mil pessoas, coletando e tratando os esgotos que deságuam nos arroios.
A primeira das três etapas se resume à instalação de mais de Noé quilômetros de tubulação nas bacias dos arroios Gontan e Bagé. O Daeb informa que, atualmente, essa fase se encontra 90% concluída, restando apenas a implantação das travessias, com tubulação de ferro fundido.
A segunda fase da obra é a construção da Estação Elevatória de Esgoto, que tem a função de elevar o esgoto de um terreno de nível baixo para um nível mais alto, até a Estação de Tratamento de Esgoto Central. Hoje, a construção está parada, com cerca de 40% do projeto concluído, aguardando liberação da continuidade pela Caixa Econômica Federal.
A última etapa, que iniciou em 2011 e já está concluída, se trata da construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Central, que prevê o tratamento dos esgotos pelo processo de tratamento biológico do tipo lodos ativados com aeração prolongada. A obra aguarda a conclusão das outras fases para entrar em funcionamento.
Após a conclusão das três fases da obra, a expectativa é que Bagé alcance 80% de esgoto coletado e 59% tratado. Atualmente, o município conta com 77% do esgoto coletado e 21% tratado, sendo que 14 bairros contam com Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs).

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...