ANO: 24 | Nº: 6039
05/12/2017 Fogo cruzado

Mainardi visita as barragens de Jaguari e Taquarembó

Foto: Divulgação

Deputado acompanha representantes da Associação dos Usuários da Água da Bacia Hidrográfica do Rio Santa Maria
Deputado acompanha representantes da Associação dos Usuários da Água da Bacia Hidrográfica do Rio Santa Maria

O deputado estadual Luiz Fernando Mainardi, do PT, juntamente com o presidente da Associação dos Usuários da Água da Bacia Hidrográfica do Rio Santa Maria (AUSM), Edison Moreira Silva, e o vice-presidente da AUSM, Eldo Frantz Costa, visitaram as obras das barragens Jaguari e Taquarembó, na sexta-feira. As duas construções estão com os trabalhos paralisados.
Para Mainardi, as obras precisam ser concluídas. "Essas barragens trarão desenvolvimento para a região. Precisamos articular, de forma conjunta com a comunidade, uma grande mobilização pela conclusão das obras", enfatiza.
Para o presidente da AUSM, essas barragens são fundamentais para a região. "Além de beneficiar os produtores com a irrigação, a barragem de Jaguari está parada há seis anos, pois a jazida para construção do barramento se esgotou e teve que ser licenciada outra jazida, e o outro motivo foi que uma das empresas saiu do consórcio de construção, fazendo o processo ficar demorado para retornar às obras. As barragens farão o abastecimento público de Rosário do Sul e Dom Pedrito", explica.
A barragem do Jaguari, na divisa de São Gabriel e Lavras do Sul, é considerada fundamental para o desenvolvimento da região: serão dois mil hectares alagados, com 150 quilômetros de canais de irrigação, garantindo abastecimento para os produtores e para a população. Os recursos já estão garantidos para a retomada dos trabalhos.
A obra da barragem Taquarembó avançou cerca de 85%, mas foi paralisada há seis meses. Com 1,1 mil hectares alagados e 140 quilômetros de canais de irrigação, ela vai beneficiar os municípios de Dom Pedrito, Lavras do Sul e Rosário do Sul. Conta com um investimento de R$ 90 milhões, mas ainda faltam R$ 50 milhões em recursos para a conclusão.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...