ANO: 25 | Nº: 6234
13/12/2017 Cidade

Coirolo realiza obra de homenagem às vítimas do voo da Chapecoense

Foto: Divulgação

Obra do Atrium Daví Barela Dávi será inaugurada no dia 22 de dezembro
Obra do Atrium Daví Barela Dávi será inaugurada no dia 22 de dezembro

Um ano após o acidente que vitimou 71 pessoas, incluindo o time da Associação Chapecoense de Futebol, a cidade de Chapecó, em Santa Catarina, recebe homenagem criada pelas mãos do artista Sérgio Coirolo. No dia 22, ele inaugura a obra, em uma praça ao lado da Arena Condá.
Coirolo explica que a homenagem foi encomendada por uma construtora da cidade, cujo dono foi uma das vítimas do voo LaMia 2933, acidentado em 28 de novembro de 2016. A praça leva o nome do empresário Atrium Daví Barela Dávi, que foi um dos principais patrocinadores do clube.
“No meu projeto da praça vai um lago e, dentro, um mapa da América do Sul com uma luz em Chapecó e outra em Medelín (cidade colombiana, onde ocorreu o acidente). Na volta vão 71 luzes (representando as vítimas do acidente) e um alto relevo retratando o empresário Daví Barela”, destaca.
Coirolo tem relação estreita com Bagé, realizando diferentes obras no município. No ano passado, por exemplo, inaugurou o consultório do Analista de Bagé, na Praça Júlio de Castilhos (praça da Estação). Sua nova obra será inaugurada com cerimônia de homenagem aos falecidos no acidente, que vitimou o atleta bajeense Dener Assunção.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...