ANO: 25 | Nº: 6333
18/12/2017 Cidade

Domingo marcado por movimento de compras de Natal

Foto: Antônio Rocha

Erminda escolheu sair às compras no domingo por falta de tempo durante a semana
Erminda escolheu sair às compras no domingo por falta de tempo durante a semana

Após semanas de embates, o Sindicato dos Lojistas de Bagé (Sindilojas) e o Sindicato dos Comerciários (Sindicom) definiram o horário de abertura do comércio para este domingo. E o acordo parece ter trazido resultados positivos para as empresas, já que a tarde de ontem foi movimentada nas ruas centrais da cidade.

A maioria das lojas do centro comercial da cidade optaram por abrir as portas e receber os clientes, mas com quadro de funcionários reduzido. Em uma das lojas de calçados da cidade, por exemplo, o movimento foi superior ao que esperava o empresário Antônio Carlos Cougo. Ele conta que aguardava movimentação, mas com a definição do horário de funcionamento aos domingos, acreditou que não atrairia tanto a atenção dos bajeenses. "Mas fiquei surpreso, porque o movimento está intenso desde cedo. Vamos manter o horário prolongado durante esta semana e abriremos novamente no próximo domingo", destacou.

Rosane Vaghetti, gerente de uma loja de confecções da cidade, acredita que o funcionamento no domingo deu retorno para a loja com forte movimento. Ela acredita que para os próprios clientes, que contam com horário diferenciado para garantir os presentes de Natal para amigos e familiares, o período também foi vantajoso. "Mas o movimento vai aumentar ainda mais durante essa semana, porque é a época em que o pessoal geralmente vai às compras", disse.

O gerente de uma das empresas com maior movimento ontem, à tarde, José Francisco Pereira, destaca que quando chegou para abrir a loja, antes das 15h, já havia pessoas à espera. E assim, a tarde começou movimentada, lotou a loja, em que as filas se espalhavam pelos corredores, entre prateleiras.

E entre as araras de produtos é que Cleonice Bitencourt, 42 anos, escolhia os presentes para a família. Como trabalha diariamente até às 21h, ainda não havia conseguido garantir as compras para o Natal. Ontem, aproveitou a trégua do calor e se aventurou em meio às dezenas de pessoas que caminhavam pelas ruas à procura do presente ideal. "O funcionamento do comércio hoje me facilitiou muito. Eu esperava conseguir comprar tudo hoje, mas acho que não vai dar. Talvez eu tenha que sair no próximo domingo, novamente", disse.

Leila Vidal, 39 anos, e a sogra, Erminda Pichler, 59 anos, também escolheram o primeiro dia da semana para sair. "Durante a semana é muito corrido porque eu trabalho todo o dia, então só consigo comprar alguma coisa aos sábados e domingos mesmo", disse.

Mas Leila e a sogra podem escolher também sair para finalizar suas compras também durante a noite nesta semana. O horário estendido, fruto de acordo entre os sindicatos, é de 18 a 22 de dezembro, permite que o comércio fique aberto até as 21h. No dia 23, o expediente nas lojas deve encerrar às 21h. Já no dia 24, domingo, véspera de feriado, as empresas que optarem por abrir devem encerrar o expediente até as 20h.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...