ANO: 25 | Nº: 6236
21/12/2017 Cidade

Aeroporto de Bagé conclui implantação das luzes de aproximação de voos e decolagens

Foto: Tiago Rolim de Moura

Aparelho orienta distância e aproximação da cabeceira da pista
Aparelho orienta distância e aproximação da cabeceira da pista

Mais um passo foi concluído esta semana para receber os voos regulares, previstos para o final de fevereiro, no Aeroporto Internacional Comandante Gustavo Kraemer. O terminal finalizou, na terça-feira, a obra de implantação do Indicador de Percurso de Aproximação de precisão (PAPI) para pousos e decolagens, que consiste em um sistema de luzes instaladas na cabeceira da pista, que dão ângulo para a aeronave descer.
A retomada das rotas aéreas entre Bagé e Porto Alegre foi confirmada pela empresa Gol Linhas Aéreas no dia 14 deste mês. Os voos serão realizados pela aeronave modelo Gran Caravan, da TWO Flex/Gol, para as operações comerciais.
Conforme o superintendente do aeroporto, Jesus Heron Cougo, o equipamento era uma das exigências da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para a retomada dos voos. Ele conta que a partir de janeiro uma equipe do aeroporto irá receber um curso padrão para utilização do equipamento. “Após o treinamento, a Anac e o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) devem homologar a utilização”, informa.
Cougo salienta que o equipamento facilita no planeio da aeronave e orienta a distância e aproximação da cabeceira da pista, dando maior segurança ao pouso. O superintendente ressalta que a obra de implantação foi custeada pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e custou cerca de R$ 500 mil. “Apenas os aeroportos de Bagé, Pelotas e Uruguaiana no interior possuem o equipamento”, conta.
A pista do Aeroporto Comandante Gustavo Kraemer possui 1,5 mil metros de comprimento, por 30 metros de largura. A estrutura passou por reformas em 2012.


Função do equipamento
O PAPI é um auxílio visual que fornece informações de orientação para ajudar o piloto a adquirir e manter a aproximação correta (em um plano vertical) para um aeroporto. Um sistema PAPI de aeroporto consiste em quatro unidades em uma linha ou barra, de preferência localizada no lado esquerdo da pista. Cada unidade está equipada com duas lâmpadas e produz um feixe de luz, sendo a parte superior branca e a inferior vermelha, com uma transição acentuada. Quando um piloto está voando perto da rampa de aproximação nominal, as duas unidades mais próximas da pista aparecem vermelhas e as duas externas aparecem brancas. Se o piloto segue ângulos maiores o número de unidades brancas aumenta, enquanto que para ângulos inferiores é o número de unidades vermelhas que aumenta.


Raio-X

Outro equipamento que deve ser implementado no terminal é o raio-X. Conforme Cougo, o aparelho ainda depende de trâmites legais para ser implantado.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...