ANO: 26 | Nº: 6539
28/12/2017 Fogo cruzado

Proposta que reserva mercado para vinhos da região segue na pauta

Foto: Arquivo JM

Medida beneficia produtores da Campanha gaúcha
Medida beneficia produtores da Campanha gaúcha
O parlamento gaúcho pode votar, a partir de fevereiro de 2018, uma proposição que trata sobre a reserva de percentual para comercialização de vinhos e sucos produzidos no estado do Rio Grande do Sul. A legislação, proposta pelo deputado Gilmar Sossella, do PDT, em 2015, foi aprovada por todas as comissões técnicas da Casa.
Se a lei for aprovada, restaurantes e bares que comercializam vinho deverão reservar, no mínimo, 50% de sua carta para rótulos produzidos no Estado. Nos supermercados, 25% dos vinhos à venda deverão ser produzidos no Rio Grande do Sul. Os estabelecimentos também serão obrigados a comercializar suco de uva produzido em solo gaúcho.
A medida, conforme especifica Sossella, beneficia a produção do Vale dos Vinhedos, composto pelos municípios de Bento Gonçalves, Flores da Cunha, Nova Pádua, Farroupilha, Garibaldi, Monte Belo do Sul e Santa Teresa, e os produtores da região Oeste-Central, através dos vinhedos de Bagé, Encruzilhada do Sul, Santana do Livramento.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...