ANO: 25 | Nº: 6234
30/12/2017 Cidade

Cartomante alerta para vícios e acidentes de trânsito

Foto: Divulgação

Rosa destaca novos empreendimentos para Bagé
Rosa destaca novos empreendimentos para Bagé
As previsões para 2018 das cartas da ialorixá  Rosa Funari de Xangô, do Ilê Africano casa de Xangô Fraternidade Exu Pomba-Gira Maria Quitéria alertam para o cuidado com os jovens. Segundo ela, há probabilidades do aumento dos vícios e mortes precoces em acidentes de trânsito.
Rosa salienta que o ano de 2018 será regido pelos Orixás Bará (São Pedro) e Oxum (Nossa Senhora da Conceição). Bará é o orixá dono das chaves, que tem o poder de abrir e fechar os caminhos em todas as suas formas de existência. Também abre os cruzeiros da estrada, do mato ou da rua. “Bará e o senhor do destino”, define.
Segundo Rosa, na religião de matriz africana não se faz nada sem a licença do Bará. O orixá é muito dinâmico e ligeiro e tem muita semelhança com o ser humano, por ser maniático, exigindo das casas de religião muito respeito e ordem. “Suas ferramentas são a foice, a chave, a corrente, o garfo, a ponteira, o cachimbo e o punhal. As oferendas são entregues a ele em cruzeiro abertos, em encruzilhada”, comenta.
De acordo com a ialorixá, o dia de Bará é segunda-feira e ele está profundamente ligado à atividade sexual. Sua cor é a vermelha e sua saudação é Alupo. As partes do corpo são os pés, o esqueleto, o pênis, o pâncreas, a uretra, a urina e o sangue. “Isso irá ocasionar muita fertilidade. Além disso, ele é o homem da rua que guarda a porta e o portão de nossas casas, quem tranca, destranca e movimenta os negócios”, destaca. Na natureza, Rosa salienta que é o ano da terra e é preciso tomar cuidado com terremotos, vendavais e fogo.

Economia
De acordo com as previsões da religiosa, a economia do país ainda estará passando por dificuldades,  Além disso, ela adianta que será um ano de economizar, de consumir menos. “É um ano de seca, mas a agricultura terá boas safras melhorando a economia do país”, informa.

Saúde
Para a cartomante, este será um ano de lutar pela saúde da terra e preservar o que faz bem. Ela aconselha a prática de exercícios físicos e comprometimento com o corpo, para entrar em sintonia com a saúde.

Política
Como o ano é eleitoral, irá exigir projetos sólidos e consistentes. “Bará, sendo o orixá da sabedoria, trará mudanças na política, mais precisamente depois do mês junho”, salienta.

Bagé
A ialorixá prevê dificuldades na política de Bagé, exigindo dos governantes projetos sólidos e emergenciais. Também haverá troca de pessoas no governo, alguns cortes ainda deverão ser feitos. “Mesmo assim, será um ano bem melhor do que 2017 para Bagé. Projetos pequenos e imediatistas terão maior aprovação do que os grandes projetos engavetados”, acredita.
Ela destaca que, em 2018, novos empreendimentos virão para Bagé. “Não importa quem faça, tem que ser feito; o ano é de cumprir, de correr atrás do prejuízo”, aconselha.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...