ANO: 26 | Nº: 6524
20/01/2018 Cidade

Estado rescinde contrato com empresa responsável por obra do ginásio da Escola Silveira Martins

Foto: Antônio Rocha

Ginásio está pronto desde 2015
Ginásio está pronto desde 2015

Com a estrutura pronta desde 2015, o ginásio da Escola Estadual de Ensino Médio Silveira Martins ainda não foi inaugurado. A demora se deve à ausência da instalação do Plano de Prevenção e Combate a Incêndios (PPCI), que não estava previsto no projeto inicial. Agora, o Estado, através da secretaria de Educação, rescindiu o contrato com a empresa responsável pelo serviço.

O titular da 13ª Coordenadoria Regional de Educação (13ª CRE), José Carlos Nobre, explica que o destrato com a empresa foi motivado por descumprimento contratual, já que a empresa não finalizou a obra conforme definido. Nobre adiantou, ainda, que a empreiteira deve receber uma multa, de valor não informado, pelo descumprimento do contrato e abandono do canteiro de obras.

O coordenador afirma que a intenção é dar início a um novo processo licitatório, que irá contratar empresa para instalação do PPCI no ginásio. “A ideia é fazer isso o mais rápido possível, já nos próximos meses, e entregar antes do final do ano. A obra está pronta, falta apenas a adequação às exigências de segurança contra incêndio”, afirma.

A obra teve início em 2014, com custo total de R$ 750 mil. No ano passado, a estrutura passou por avaliação da Coordenadoria Regional de Obras Públicas, que apontou em relatório quais reparos devem ser realizados no prédio, além da instalação dos itens do PPCI.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...