ANO: 24 | Nº: 5960
26/01/2018 Cidade

Carnaval será realizado na avenida Sete de Setembro

Foto: Antônio Rocha

No ano passado, entidades desfilaram ao meio-dia sem competição
No ano passado, entidades desfilaram ao meio-dia sem competição

Após várias reuniões entre as entidades carnavalescas e a Prefeitura de Bagé, ficou definida, ontem, a realização do Carnaval 2018. Os desfiles irão ocorrer nos dias 3 e 4 de março, na avenida Sete de Setembro.
Até agora, estão confirmadas sete entidades. Três escolas de samba confirmaram participação pela Associação Cultural das Escolas de Samba de Bagé (Acesb): Estrela D’Álva, Império da Zona Leste e Vila Imperial. Uma confirmou participação pela Associação Bajeense de Entidades Carnavaslescas (Abec): Deixa Acontecer. Três blocos burlescos (Zebra, Os gatões e Mimosas do Jacaré), filiados à Abec, também confirmaram presença.
Conforme o presidente da Acesb e do Conselho Municipal de Cultura, Neimar Rodrigues, a prefeitura irá disponibilizar R$ 120 mil, que serão divididos para as escolas e blocos, e também para a estrutura da avenida. Cada escola de samba deve receber cerca de R$ 8 mil e os blocos R$ 1,5 mil de ajuda de custo. Parte do recurso será utilizada para custear a segurança.
Rodrigues explica que, devido ao Marco Regulatório do Terceiro Setor (criado pela lei 13.019 de 2014), ficou impossível realizar um convênio com as entidades em tempo hábil. Ele salienta que a solução encontrada foi a realização de um processo licitatório. Nesse sistema, a empresa vencedora contrata as entidades e fica encarregada de montar a estrutura do desfile. “Estamos preparando o edital, que será realizado através do conselho, para realizar a licitação”, afirma.


Estrutura

Serão colocadas grades de proteção durante todo o percurso. O público poderá optar por ficar de forma gratuita na calçada, levando a própria cadeira. Também poderá ficar no camarote instalado na praça Silveira Martins, com ingresso sendo trocado por dois quilos de alimentos não perecíveis, onde serão disponibilizados cerca de 600 lugares. Ainda será montada uma arquibancada, no lado inverso, cujo valor será de um quilo de alimento, com lugar para 500 pagantes.


Disputa

Bagé não tem um Carnaval competitivo desde 2015. No ano passado, a cidade apenas teve o desfile do meio-dia, na avenida Sete de Setembro. Neste ano, a cidade terá novas campeãs do Carnaval. A corte escolhida no ano passado será mantida, em virtude de que não houve Carnaval competitivo.
Segundo Rodrigues, os jurados para os concursos serão de outros municípios. É possível, devido à falta de concorrente, que a escola de samba da Abec, Deixa Acontecer, seja somente avaliada pelos critérios estabelecidos pela Associação. “Ainda estamos estudando a possibilidade de uma campeã geral entre as duas entidades”, informa.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...