ANO: 25 | Nº: 6381
31/01/2018 Segurança

Acusado de diversos crimes de estupro é preso pela Brigada Militar

Foto: Divulgação

José Ronaldo Martins Fagundes, 44 anos
José Ronaldo Martins Fagundes, 44 anos

José Ronaldo Martins Fagundes, 44 anos, foi preso na noite de segunda-feira, por volta das 22h, na rua Melanie Granier, bairro Santa Cecília, pela Brigada Militar. Ele é acusado de tentativa de estupro e estava com prisão preventiva decretada por outros dois crimes de mesmo teor.
De acordo com o registro de ocorrência, a vítima de 49 anos estava chegando em casa, quando ao cruzar pelo acusado foi surpreendida e agarrada por ele. A mulher ressaltou que caiu e gritou por socorro. Ele a agarrou pelo pescoço, desferiu diversos socos em seu rosto e tentava lhe abusar. Com os gritos, o filho da vítima foi ao seu encontro. Fagundes tentou fugir, sendo segurado por vizinhos até a chegada dos policiais militares. A vítima ficou ferida e com marcas no olho e pescoço.
Conforme a titular da Delegacia Especializada ao Atendimento à Mulher (Deam), delegada Carem do Nascimento, o acusado possui diversas passagens pela polícia e estava com a prisão preventiva decretada. “No ano passado, no dia 23 de dezembro, ele estuprou uma vítima e tentou estuprar outra, em questão de horas. Pedimos a prisão preventiva no dia 26 e desde então a Polícia Civil e a Brigada Militar estavam em busca”, explica.
Carem ressalta que Fagundes já havia sido condenado, em 2019, há 19 anos de reclusão, pelo crime de estupro e roubo de uma policial militar, ocorrido no dia 13 de agosto de 2009, quando foi preso em flagrante. “Ele possui passagens por cinco casos de estupro, por lesão corporal e furto”, relata.
A delegada conta que o acusado é agressivo e perigoso. No dia 23 de dezembro, às 6h, ele invadiu a casa de uma vítima na rua Loureiro da Silva, bairro São Jorge. A mulher de 27 anos estava dormindo, quando ele invadiu o local, armado com uma faca. No registro consta que Fagundes a ameaçou e deixou sua mãe no quarto, enquanto levou a vítima até a cozinha. Ele a obrigou a manter relações sexuais. Um vizinho ouviu os gritos de socorro e o acusado fugiu.
No mesmo dia, às 10h30min, no bairro das Laranjeiras, o acusado pegou uma adolescente de 16 anos à força, puxando-a para um matagal próximo, pelo braço, e tentando estrangulá-la. Ao gritar, ela foi socorrida por populares. Fagundes levou o telefone celular da jovem.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...