ANO: 25 | Nº: 6330
03/02/2018 Cidade

Estado libera verba para reforma de escolas de Candiota

Foto: Divulgação

Escola Jerônimo Mércio recebe R$ 100 mil em repasses para manutenção
Escola Jerônimo Mércio recebe R$ 100 mil em repasses para manutenção

Um convênio firmado entre a Secretaria Estadual de Educação e o Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) vai possibilitar a reforma de duas das maiores escolas do município de Candiota. A 13ª Coordenadoria Regional de Educação (13ª CRE) e a Coordenadoria Regional de Obras Públicas (Crop) já deram início ao processo licitatório que irá definir as empresas responsáveis pelos empreendimentos.
O coordenador de Educação, José Carlos Nobre, explica que R$ 150 mil foram repassados para a Escola Estadual de Ensino Fundamental Dario Lassance, que atende cerca de 500 estudantes, e R$ 100 mil para a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Jerônimo Mércio da Silveira, que conta com 700 alunos.
Ainda de acordo com Nobre, os recursos serão utilizados para reforma e manutenção de questões pontuais dos dois prédios, como execução de pintura nova, troca de partes da cobertura e ampliação das salas de aula.
A licitação que irá definir a empresa responsável pela execução da obra na escola Dario Lassance já está em andamento. A abertura de envelopes deve acontecer na próxima terça-feira. Já o processo licitatório referente à escola Jerônimo Mércio da Silveira deve iniciar em breve. Nobre explica, ainda, que não há como definir prazo para execução das obras antes da assinatura de contrato com a empresa, já que essa definição cabe ao corpo técnico.
A diretora da escola Dario Lassance, Camila Vidart, comemora a transferência do valor. “Chegou em boa hora. Vai dar um ‘up’ para início do ano letivo”, destaca. Segundo ela, a instituição tem algumas demandas específicas. A principal é o reparo do telhado e das calhas, que são problemas antigos. “Quando chove, alaga o pavilhão”, afirma. Além disso, a reforma também abrange a ampliação do refeitório, reparos dos sanitários e em uma área coberta de acesso à escola.
Já a diretora da escola Jerônimo Mércio da Silveira, Dinorah Amaral Matte, a prioridade é o conserto do piso de três salas interditadas. Em seguida, será realizada a troca da rede elétrica que está obsoleta (em alguns setores com fios de pano). O reparo no telhado também é necessário para acabar com as goteiras e a recuperação da quadra aberta de esportes. “Enfim, são muitas demandas. Estão sendo buscadas parcerias junto a empresas e agora, com este repasse do Governo Estadual, se não forem sanadas na totalidade, pelo menos a escola ficará 80% recuperada. Este repasse foi essencial neste momento de muitas demandas”, destaca.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...