ANO: 24 | Nº: 6109
01/03/2018 Cidade

Bagé na mira da Havan

Foto: Divulgação

Sede da loja está localizada em Brusque, Santa Catarina
Sede da loja está localizada em Brusque, Santa Catarina

Hoje, a partir das 9h, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Bayard Paschoa Pereira, recebe a imprensa para falar sobre a possibilidade de instalação de grandes redes de lojas na cidade. Uma delas é a Havan, rede catarinense de departamentos, conhecida pelas megalojas com uma réplica da Estátua da Liberdade em frente às fachadas.
No final de janeiro, o diretor-presidente da rede, Luciano Hang, anunciou que pretende investir cerca de R$ 2 bilhões para entrar no mercado atacadista e varejista do Rio Grande do Sul, com possibilidade de construção de pelo menos 50 novas megalojas e a geração de até 10 mil empregos diretos.

Município passa por avaliação
A assessoria de imprensa da rede confirmou, ao Jornal MINUANO, que Bagé é uma das cidades em prospecção no Estado para possível implantação. Contudo, não há nada oficializado ainda. Para que uma filial se instale, o município deve atender a alguns critérios, como: liberdade de funcionamento do comércio, facilidade de acesso, movimentação e crescimento da cidade nos últimos anos.
A primeira loja da rede foi fundada em 1986, em Brusque, Santa Catarina, comercializando artigos nacionais e importados no atacado e no varejo. Atualmente, conta com mais de 100 mil produtos. A empresa começou sua expansão em 1999, com a abertura de duas filiais em Curitiba. Logo depois, novas lojas foram abertas em Florianópolis, Criciúma, Joinville e Balneário Camburiú. Na atualidade, a Havan tem 107 lojas em 15 estados brasileiros. 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...