ANO: 24 | Nº: 6083
01/03/2018 Campo e Negócios

Simvet aprova iniciativa de ferramenta para trânsito de equinos

O trabalho dos médicos veterinários que lidam com o trânsito de animais deve ganhar agilidade. Isso segundo avaliação do Sindicato dos Médicos Veterinários no Estado do Rio Grande do Sul (Simvet/RS). De acordo com a entidade, a ferramenta lançada pela Secretaria da Agricultura do Estado vai permitir que seja feita de forma rápida a disponibilização das informações dos animais com origem e destino.
 
Para o diretor do Simvet/RS e especialista na área de equinos, João Júnior, a iniciativa, apresentada oficialmente ontem, em cerimônia no Palácio Piratini, em Porto Alegre, deve representar um avanço tanto para os criadores quanto para os responsáveis técnicos dos eventos equestres. "O Simvet/RS parabeniza a Secretaria da Agricultura pela iniciativa. É um programa que tem muito a dar agilidade e mobilidade para os criadores de equinos", observa.
 
No entanto, o representante do Simvet/RS alerta que ainda são necessários ajustes para que a ferramenta tenha funcionamento pleno. "Pelo que temos de informação, tende a ser offline e pode ser que não tenha o mesmo controle que a GTA (Guia de Trânsito Animal) tradicional, permitindo, por exemplo, que um equino esteja em um evento irregular ou que o mesmo saia de uma propriedade interditada por questões sanitárias e vá para uma propriedade livre ou vice-versa", destaca.
 
O Simvet/RS vai apresentar, nas próximas semanas, sugestões de funcionalidades para o aplicativo para que o mesmo reforce o controle sanitário dos equinos no Rio Grande do Sul. O usuário poderá informar pela ferramenta origem e destino do animal, além de constar todos os dados como foto do equino e informações sobre exames como anemia, mormo e influenza.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...