ANO: 25 | Nº: 6401
03/03/2018 Cidade

De olho na colheita da oliva

Foto: Roberta Silva/EspecialJM

A Abertura Oficial da Colheita da Oliva, realizada na sexta-feira, em Pantano Grande, contou com a participação de uma comitiva bajeense. Membros da Secretaria de Desenvolvimento Rural, dentre os quais o titular da pasta, Cléber Zuliani Carvalho, se fizeram presentes.
E a agenda não foi meramente simbólica, até porque o desenvolvimento da cultura, destinada à produção de azeites, vem ganhando cada vez mais espaço na Campanha gaúcha, com certo destaque para a Rainha da Fronteira.
Conforme o engenheiro agrônomo da SDR, Emerson Menezes, a previsão é um grande avanço de Bagé neste setor para 2019, quando acontece a primeira colheita e a inauguração da primeira indústria de beneficiamento de azeite (a quarta da região). “Nós já atingimos 100 hectares plantados e estamos às vésperas da primeira colheita, que será na próxima safra.  Vários produtores estão investindo nessa atividade, relativamente nova para nossa região. Começou a se falar em olivicultura a partir de 2010 em Bagé. Neste ano, já contamos com cerca de 500 hectares plantados entre Pinheiro Machado e Santana do Livramento. Essa é uma cultura resistente à estiagem e só vem para gerar emprego, renda e melhorar a economia da região", argumenta.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...