ANO: 25 | Nº: 6488
10/03/2018 Cidade

Acadêmicos da Psicologia inovam com projeto de “Apadrinhamento Universitário”

Foto: Chrystian Ribeiro/Ascom

Kits de boas-vindas apresentam dicas e informações institucionais
Kits de boas-vindas apresentam dicas e informações institucionais

Os primeiros passos em uma universidade nem sempre são fáceis para quem chega do Ensino Médio. Existe o medo e a insegurança por se tratar de uma situação nova, além de um mundo de novidades e possibilidades que, de repente, começa a fazer parte da vida do acadêmico. Nesse processo, muitos têm dificuldade de adaptação, o que, às vezes, aliada à timidez, ou à simples dificuldade em relacionar-se com os demais, acaba agravando  ainda mais a circunstância. Foi pensando em tudo isso que um grupo, formado por 18 acadêmicos do curso de Psicologia da Urcamp, criou o projeto “Apadrinhamento Universitário”, totalmente voltado para a adaptação dos calouros. E não só no início, a programação envolve a vida do estudante durante todo o primeiro semestre. 

O acompanhamento e tutoria tem como base esforços criativos, através de encontros, dinâmicas de grupo e troca de experiências, que buscam o crescimento pessoal dentro da comunidade acadêmica como um todo. Nesse sentido, foram confeccionados “kits de boas-vindas”, contendo panfletos e materiais institucionais informativos sobre a instituição, além de telefones úteis com a localização de setores da Urcamp, um mapa com pontos turísticos, pontos gastronômicos populares e acessíveis e adesivos e preservativos, no sentido de estimular o sexo seguro.
“A gente já fez uma dinâmica com eles com recortes de revistas e jornais, onde se identificaram, se reconheceram, falaram de si e assim a gente os conheceu. E nesse processo todos ficaram descontraídos e muito mais seguros”, explica a acadêmica do terceiro semestre de Psicologia, Mariana Lopes. 
Os novos alunos também receberam acolhimento no aplicativo WhatsApp, por meio de um grupo, que foi dividido em três comissões: uma presta auxílio na elaboração de trabalhos e dicas de estudo para provas; outra se detém em responder dúvidas e questionamentos sobre setores da universidade; e a terceira organiza eventos, palestras e atividades mensais.

Para este sábado, aliás, os tutores já têm programação definida. Haverá uma palestra, no Teatrinho da Urcamp, com o tema “Infância e adolescência”, ministrada pela psicóloga e professora do curso de Psicologia Adriana Brito. A atividade vai contar, também, com a participação da psicóloga Ana Pinho e do professor do curso de Direito Rafael Bueno. A palestra será as 10h, sendo aberta a todos os estudantes.
“É nesse primeiro ano que eles aprendem a se fortalecer enquanto universitários. Com esse trabalho, fortalecem também a relação com os colegas e professores”, resume Maria Yaguna, uma das idealizadoras do projeto.
O acadêmico Jéferson Ferreira Borges também integra o grupo de tutores. “Nossa intenção é fazer com que esse novo colega saiba que não está sozinho e receber acolhimento nos primeiros momentos é fundamental, faz toda a diferença", sustenta.
Para a coordenadora do curso de Psicologia, Suzana Curi Jorge, o projeto serve ainda como auxílio para a futura profissão. “Eles já estão aplicando os conhecimentos adquiridos em sala de aula, porque passam para os ingressantes o sentimento de pertencer a um grupo, a uma classe, uma categoria, no caso se sentem parte desde o início da instituição”, avalia.
O projeto “Apadrinhamento Universitário” vai acontecer até o mês de junho e deve ser renovado a cada início de semestre.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...