ANO: 25 | Nº: 6384
10/03/2018 Segurança

Onda de roubos mobiliza polícia

Há pelo menos três semanas, Bagé vem registrando uma série de assaltos contra estabelecimentos comerciais. Somente nos últimos 20 dias, foram pelo menos oito ataques à mão armada registrados. Mesmo diante da onda de roubos, o titular da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec), Cristiano Ritta, garante que as investigações relativas a todos os casos estão avançando.

Segundo Ritta, a equipe está com algumas linhas investigativas e já possui alguns suspeitos dos roubos. “Estamos em constante averiguação. Realmente, nestes últimos dias, teve um aumento deste tipo de crime. Já identificamos alguns suspeitos e estamos em trabalho”, pondera.

O delegado conta que câmeras de videomonitoramento dos estabelecimentos têm auxiliado muito na elucidação e descobrimento dos suspeitos. “Comparamos com algumas fotografias de acusados e foragidos e conseguimos identificá-los. O ideal destas câmeras é inibir a ação dos autores, mas, às vezes, não ocorre esse receio, então as imagens servem para a investigação”, completa o titular da Defrec.

Um dos suspeitos já foi identificado e está foragido do sistema prisional, comenta o delegado. “Não podemos dizer que são ligados a algum grupo de tráfico de drogas, mas já estamos em processo de conclusão”, acrescenta Ritta.

“Não há um lugar certo de atuação, eles agem em várias regiões”, argumenta o titular da delegacia especializada.


Casos registrados

No dia 21 de fevereiro, três estabelecimentos foram assaltados à mão armada. De uma agência lotérica, localizada no centro da cidade, levaram R$ 5,8 mil; uma loja de autopeças na avenida Santa Tecla teve R$ 7 mil roubados do caixa, além de celulares de funcionários; já em um mercado, na avenida São Judas, os assaltantes levaram R$ 200.

Na segunda-feira passada, pela manhã, um estabelecimento que fica no bairro Getúlio Vargas teve R$ 500 roubados. No ataque, os funcionários tiveram que entregar seus cinco telefones celulares.

Na terça-feira ocorreram mais dois roubos. De uma padaria, no bairro São Judas Tadeu, foi levado dinheiro, carteira com documentos e cartões de um cliente. Após, por volta das 17h40min, uma pedestre também foi roubada em frente ao mesmo local. No mesmo dia um comércio da rua Angélica Jardim também sofreu um roubo por volta das 20h.

Outros dois assaltos ocorreram na quarta-feira. O alvo, desta vez, foram postos de combustíveis: um na avenida General Osório, sendo levado R$ 915 e o celular da vítima; e o outro na rua Dr Penna, por volta das 23h.

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...