ANO: 25 | Nº: 6460
30/03/2018 Cidade

Cerimônia do Lava-pés abre Tríduo Pascal

Foto: Antônio Rocha

Tradicional rito reuniu fiéis em Bagé
Tradicional rito reuniu fiéis em Bagé

O gesto de Jesus Cristo durante a última ceia, em que demonstrou a humildade e amor ao próximo, foi repetido, ontem, em todo o mundo pela Igreja Católica. A celebração religiosa do Lava-pés abriu o Tríduo Pascal, que termina no domingo da Páscoa.

Neste ano, o tema principal da cerimônia foi a Fraternidade e Superação da Violência, baseado na Campanha da Fraternidade. Conforme Frei Álvaro Bordignon, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, o cristão também tem que servir ao outro. O religioso complementa que se trata de um gesto de "doação para os irmãos".

Senhor morto

Hoje será um dia de oração e silêncio nas igrejas. É uma data marcada por rituais e penitências com o jejum e a abstinência da carne vermelha. Para lembrar esses momentos, as paróquias Nossa Senhora Auxiliadora, Nossa Senhora da Conceição e  a Catedral de São Sebastião realizam a procissão do Senhor Morto, individualmente, a partir da celebração das 15h. As caminhadas serão no entorno das praças em frente aos templos. Praça de Esportes, Silveira Martins e  Carlos Telles.

Celebração da luz

A liturgia da noite do sábado, que antecede a Páscoa, é considerada uma das mais solenes e das mais extensas do rito católico. A missa começa com a celebração da luz, onde o círio pascal é acesso na entrada da paróquia. Depois de feitos esses rituais o padre entra no templo seguido pelos fiéis.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...