ANO: 24 | Nº: 6063
14/04/2018 Cidade

“Uso a rede social como uma comunicação direta com a população", diz Divaldo

Foto: Rochele Barbosa/Especial JM

Lara realiza gestão das próprias contas e interage com usuários
Lara realiza gestão das próprias contas e interage com usuários

Divulgado na última quinta-feira, o ranking da Postanalytics Brasil trouxe o prefeito de Bagé, Divaldo Lara, na oitava posição dos gestores municipais mais influentes do Brasil em redes sociais. Em entrevista exclusiva ao Jornal MINUANO, o chefe do Executivo contou um pouco como funciona a gestão de suas redes sociais.

Lara relata que a utilização das plataformas como uma forma de comunicação mais estreita com a população iniciou em 2009, durante o mandato como vereador. Na época, o extinto Orkut era a ferramenta utilizada por ele para buscar sugestões e avaliações da comunidade à sua atuação na Câmara. “De lá para cá, seguimos trabalhando a interação com os usuários, elaborando materiais específicos para as redes sociais, acompanhando o perfil de usuários na formatação de conteúdos”, explica.

Atualmente, o próprio Lara e o coordenador de comunicação da prefeitura, Vítor Garcia, são os responsáveis por gerenciar os seis perfis (lotados), com mais de 30 mil amigos, o grupo, com 47 mil pessoas, e à página oficial, que conta com um número de participantes superior a 18 mil. “Uso a rede social como uma comunicação direta com a população para avaliação de serviços, ouvidoria, gestão e administração”, aponta o gestor.

Garcia, que alimenta e traça estratégias para a rede social, adaptando o trabalho ao perfil do usuário, explica que a página é a geradora de conteúdo, depois compartilhado entre os seis perfis e no grupo. Essa é a forma encontrada por ele de controlar quantas pessoas foram atingidas por cada postagem, além de abrir um leque de possibilidades de interação com usuários do mundo inteiro.

A influência foi comprovada em um vídeo recentemente postado na página, sobre a vinda do ex-presidente Lula a Bagé, o qual rendeu números positivos para Lara. Isso porque o vídeo foi compartilhado por mais de 42 mil pessoas e obteve mais de cinco milhões de visualizações. O alcance foi ainda maior por ter sido compartilhado na página do MBL (Movimento Brasil Livre).

Antes mesmo do apontamento no ranking, o trabalho nas redes sociais já havia sido reconhecido. Garcia conta que a abrangência do trabalho relatado pela internet é tão grande que já chamou a atenção de outras prefeituras do Estado. Até o momento, representantes de mais de 20 cidades do Rio Grande do Sul, e também de fora do RS, vieram à Rainha da Fronteira conhecer o trabalho divulgado através das redes sociais.

Outra prova da eficácia das redes foi a exoneração de um prestador de serviços da prefeitura por denúncias realizadas na internet. “Eu demiti um médico por rede social após ver as constantes reclamações de usuários de mau atendimento por parte desse profissional”, relembrou ele.

Novidades para maio

Lara conta ter inovado em 2017 a partir de um experimento, copiado em outros municípios: as lives com o prefeito, que rendiam até 25 mil visualizações por edição. E elas retornarão em 2018. A previsão é de que em maio tenha início a nova temporada, dessa vez com algumas novidades, conforme adianta Garcia: “Dessa vez, traremos convidados especiais, novas formas de interagir. A intenção é dobrar o número de visualizações nesta segunda temporada, que será semanal”, adianta Lara.

Outra inovação, destacada por Garcia, será a forma de interação, mais dinâmica. “Muitas pessoas faziam comentários com perguntas durante as lives. Agora vamos responder todas as perguntas durante a semana, em banners que serão postados nos perfis, na página e nos grupos”, explica.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...