ANO: 25 | Nº: 6278
21/04/2018 Cidade

Pedido de licença de instalação da obra da Barragem da Arvorezinha é protocolado pelo Daeb

Foto: Arquivo JM

Documento para retomada do empreendimento será emitido pela Secretaria de Meio Ambiente e Proteção ao Bioma Pampa
Documento para retomada do empreendimento será emitido pela Secretaria de Meio Ambiente e Proteção ao Bioma Pampa

Um importante passo para a retomada da obra da Barragem da Arvorezinha foi dado na sexta-feira. O diretor geral do Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb), Volmir Silveira, protocolou a solicitação da Licença de Instalação (LI) do empreendimento. O documento será emitido pela Secretaria de Meio Ambiente e Proteção ao Bioma Pampa (Semapa).

“Estamos concluindo a segunda etapa para retomada da obra, com a revisão do Plano Básico Ambiental (PBA) e do Projeto Executivo para posterior aprovação no Ministério da Integração Nacional. Agora, partimos para o Licenciamento Ambiental, necessário a fim de finalmente licitar a empresa que executará a obra”, explica ele. O diretor do Daeb garante que os esforços são para a obra começar ainda neste ano.

O titular da Semapa, Aroldo Quintana, explicou os passos para a emissão da licença: “A partir de agora, vamos reunir nossa equipe e chamar o pessoal selecionado no Processo Seletivo para dar início ao estudo do Plano Básico Ambiental da obra. Depois de ter o conhecimento, vamos começar a construir a licença”. Ele destacou que o trabalho será essencial. “Dificilmente na história da Secretaria vai haver o licenciamento de uma obra desta grandeza. É uma responsabilidade enorme que estamos assumindo. Vai ser um divisor de água para nós. Toda equipe, sem exceção, vai trabalhar na elaboração”, afirma. Quintana explica que é difícil mensurar prazo para a emissão da licença, pois é necessário ter muita segurança e cautela.

Como compensação ambiental da obra da Barragem da Arvorezinha, está prevista a revitalização do Horto Municipal. “Vai ser um dos hortos mais qualificados de todo o Rio Grande do Sul. Será referência”, destaca Quintana. O investimento também garantirá a manutenção do projeto, segundo o governo.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...