ANO: 254 | Nº: 6355
24/04/2018 Fogo cruzado

Bagé lidera ranking de apoio pelo fim do foro privilegiado

Foto: Divulgação

No Rio Grande do Sul, mobilização é articulada por Cajar Nardes
No Rio Grande do Sul, mobilização é articulada por Cajar Nardes
Até o final da semana passada, 695 bajeenses haviam endossado apoio à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que extingue o foro especial por prerrogativa de função no caso dos crimes comuns, de autoria do senador Álvaro Dias, do Podemos do Paraná, que lançou pré-candidatura à presidência da República, em março. Na campanha promovida pelo deputado gaúcho Cajar Nardes, do Podemos, a Rainha da Fronteira lidera o ranking de apoio ao projeto no Rio Grande do Sul, seguida por Porto Alegre, com 592 assinaturas.
Caxias do Sul contabiliza 338 assinaturas, Passo Fundo totaliza 143 e Santo Ângelo soma 109, enquanto Novo Hamburgo registra 99 e Pelotas 84. Santa Maria reuniu 60 assinaturas, superando as 58 de São Leopoldo e as 55 de Gravataí. Em Bagé, as assinaturas são recolhidas pela ex-vereadora Cláudia Souza, que atua como assessora de Cajar Nardes. “Como cidadã, preciso fazer minha parte, se quero um Brasil passado a limpo”, justifica a ex-parlamentar.
A PEC, que tramita na Câmara dos Deputados, acaba com o foro privilegiado para autoridades. Se a proposta for promulgada, parlamentares, ministros e governadores, hoje beneficiados por um julgamento especial, responderão a processos com início nas primeiras instâncias da Justiça. As exceções seriam os chefes dos três poderes e o vice-presidente da República.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...