ANO: 24 | Nº: 5940

Norberto Dutra

redacaominuano@gmail.com
Pastor e presidente da Igreja Assembleia de Deus de Bagé Doutor em Divindade
12/05/2018 Norberto Dutra (Opinião)

Jesus jamais julgou as pessoas pela sua aparência exterior

Ninguém é como aparenta ser à primeira vista. A embalagem é enganadora. Caixas de cereais fazem um cereal sem graça parecer o alimento mais espetacular do mundo. Bilhões de dólares são gastos na embalagem. Não me entenda mal. A roupa é muito importante. A aparência vende ou desencoraja. Em provérbios 7, há uma descrição da roupa de uma prostituta. Em provérbios 31, é descrita as roupas de uma mulher virtuosa. Com toda a certeza, há sabedoria em se criar um clima de aceitação. Noemi, a mentora de Rute, instruiu-a a passar perfume e trocar de roupa para encontrar Boás, seu futuro marido. Mas há algo mais importante do que a embalagem - a pessoa. Jesus se deparou com uma mulher marcada e fraca que tinha casado cinco vezes. Ele viu além dos fracassos e da reputação dela. Viu o coração da mulher. Viu nela o desejo de ser transformada. Ela foi a ponte de ouro para Jesus entrar nos corações de muitas pessoas da cidade dela. "Muitos samaritanos daquela cidade creram nele por causa do seguinte testemunho dado pela mulher: 'Ele me disse tudo o que tenho feito'" (João 4.39). As pessoas viam Zaqueu como um coletor de impostos, conivente e enganador. Jesus viu um homem confuso que desejava uma mudança de coração. O povo de Israel viu em Absalão um líder bonito e desembaraçado. Ele foi um traidor e mentiroso. Sansão achou que Dalila era a mulher mais linda que ele já encontrara. Ela foi a armadilha que destruiu a condição de campeão dele. Uma história interessante foi compartilhada recentemente por uma amiga minha, dona de uma loja de roupas. Ela disse: "Há senhoras vêm, à minha loja, parecendo não ter um centavo, mas compram milhares de reais em roupas, entram numa Mercedes com motorista e vão embora. Não dá para dizer o que elas possuem pelo que elas vestem". Nada é como aparenta ser à primeira vista. Comece a prestar atenção nas atitudes das pessoas. Comece a ouvir as suas dores. Não as julgue injustamente. Jesus sabia disso. Jesus jamais julgou as pessoas pela aparência exterior delas. Este foi um dos Segredos da liderança de Jesus.
Deus abençoe a todos e até o próximo final de semana!

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...