ANO: 25 | Nº: 6438
22/05/2018 Segurança

Parceria na segurança fortalece atuação das polícias com 133 novas armas

Ontem, a empresa Taurus doou 133 armas à Secretaria Estadual da Segurança Pública para qualificar a atuação da Brigada Militar e da Polícia Civil na ofensiva contra a criminalidade. A entrega ocorreu no Palácio Piratini e teve a presença do governador José Ivo Sartori, do MDB.
Entre os equipamentos estão as novas armas da linha T-Series, especialmente desenvolvida para o mercado militar e policial. O pacote de doação contempla pistolas, submetralhadoras e fuzis modelo T4 calibre 5.56 Nato, cujo projeto é baseado na consagrada plataforma M4/M16, utilizada amplamente pelas forças militares no mundo e, principalmente, pelos países membros da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), por ser confiável, leve, de fácil emprego e manutenção. O investimento da Taurus é de R$ 685.720 mil.


Empresa gaúcha
A Taurus é uma empresa estratégica de defesa, com 77 anos de história e reputação sólida. Sediada em São Leopoldo, emprega cerca de três mil pessoas no País e exporta para mais de 85 países. A companhia é líder mundial na fabricação de revólveres e uma das maiores produtoras de pistolas do mundo, além de ser a quarta marca mais vendida no exigente mercado norte-americano.


União
Para o secretário da Segurança Pública, Cézar Schirmer, a relevância da doação às forças policiais demonstra a integração do Estado e da sociedade para enfrentar o crime. "Essas 133 armas vão contribuir para que possamos reduzir ainda mais os índices criminais no Rio Grande do Sul. Os resultados já nos mostram que esses números vêm diminuindo substancialmente", destaca.
Conforme o presidente da Taurus, Salesio Nuhs, a doação é uma ação em prol da comunidade gaúcha. "A intenção é viabilizar aos nossos policiais melhores equipamentos para o trabalho no dia a dia. Achamos que esse gesto vai fazer a diferença lá na ponta e o caminho que estamos trilhando hoje apontam para um futuro melhor", avalia.
Nuhs observa, ainda, que a Taurus é uma parceira histórica dos gestores públicos. "Mais recentemente essas ações não estavam acontecendo, porque a companhia passou por uma reformulação, mas essa é a primeira de uma série de participações que faremos com a Segurança Pública", finaliza.
De acordo com o delegado regional da Polícia Civil, Luís Eduardo Benites, ainda não há previsão de repasse do armamento para a Campanha gaúcha. Conforme o comandante do 6ª Regimento de Polícia Montada da Brigada Militar, tenente-coronel Sérgio Alex Laydner Medina, ainda não chegou informações sobre a vinda de algum armamento para as guarnições da região.


Doações
Brigada Militar
30 submetralhadoras SMT40;
30 fuzis 5.56;
30 pistolas 9mm.


Polícia Civil
11 submetralhadoras SMT40;
11 fuzis 5.56;
21 pistolas .40.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...